sicnot

Perfil

Desporto

Ingleses vão analisar dados médicos de Mo Farah

O meio-fundista inglês Mo Farah, duplo campeão olímpico em Londres2012, deverá ter os dados médicos examinados, no seguimento da polémica que afeta o seu treinador, Alberto Salazar, suspeito de ter dopado atletas.

© Phil Noble / Reuters

Edi Warner, presidente da federação inglesa de atletismo (UKA), defende o exame de todos os dados relativos a Farah e sugere mesmo que este deve cessar, "até que todas as acusações estejam limpas", o relacionamento com Alberto Salazar, treinador norte-americano sediado no Oregon e também responsável por Galen Rupp, vice-campeão olímpico de 10.000 metros.

"O que nós podemos é ver todos os dados sobre o nosso atleta: dados de sangue, suplementos, tudo o que tenha a ver com tratamento médico", defendeu. 

Mo Farah, 32 anos, foi no domingo ausência de última hora do meeting de Birmingham, da Liga Diamante, dizendo estar "esgotado" e optando por voar para os Estados Unidos, onde se deverá encontrar com o treinador.

Alberto Salazar foi acusado, em investigação do Panorama BBC, de ter encorajado vários atletas a doparem-se - nomeadamente o norte-americano Galen Rupp, companheiro de treinos de Farah e que se terá dopado desde juvenil.

Warner mostra-se convicto de que nada provará a ligação de Mo Farah e a UKA ao programa de dopagem do centro de Oregon. 

"Mas mesmo assim devemos recomendar a Mo, ou decidir nós próprios, que o relacionamento cesse, por causa dos prejuízos sobre a reputação", adiantou. 

Mo Farah, de 32 anos, está no grupo de Salazar desde 2011 e desde então a sua carreira tem sido especialmente bem sucedida, com os dois títulos olímpicos, nos Mundiais de 2013 e nos Europeus do ano passado, entre outros sucessos.









Lusa
  • Santana Lopes confirma buscas na Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
    1:26

    País

    Pedro Santana Lopes confirmou esta quarta-feira a realização de buscas por parte da polícia judiária à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. O provedor da Santa Casa disse aos jornalistas que o processo está relacionado com suspeitas em compras efetuadas pela Misericórdia, situação que há dois anos já tinha sido objeto de inquérito interno.

  • Oposição aproveita debate quinzenal para questões sobre a CGD
    2:35

    Caso CGD

    A oposição aproveitou o debate quinzenal para questionar o primeiro-ministro sobre a polémica em torno da Caixa Geral de Depósitos. O CDS exigiu provas de António Costa para afirmar que as contas do banco foram maquilhadas e o PSD perguntou ao primeiro-ministro se não estranha a demissão de António Domingues quando este apresentou a declaração de rendimentos.

  • Turismo da Madeira investe mais de 3 milhões de euros no programa de festas
    2:22

    País

    A Madeira já vive a época de Natal. O turismo da região investiu mais de 3 milhões de euros no programa de festas de Natal e Fim de Ano para atrair os turistas. Os residentes e também turistas aproveitam para desfrutar do ambiente mágico proporcionado pelas tradicionais iluminações à mistura com as decorações e gastronomia típicas da quadra.

  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.