sicnot

Perfil

Desporto

Onze pessoas condenadas à morte por confrontos num estádio no Egito

Onze pessoas foram condenadas à morte por envolvimento em confrontos num estádio de futebol, há três anos, no Egito. Os distúrbios entre adeptos de equipas rivais, em Port Said, fizeram 74 mortos e centenas de feridos.

© Asmaa Waguih / Reuters

Muitas das vítimas morreram esmagadas quando tentavam sair do estádio, naquele que é considerado o pior incidente da história do desporto no país.

Dos mais de 70 acusados, 21 foram absolvidos. Onze foram condenados à pena capital. Os restantes vão cumprir entre 5 e 15 anos de prisão.  

A defesa pode recorrer da decisão. 

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.