sicnot

Perfil

Desporto

Benfica anuncia venda de direitos federativos de Rodrigo ao Valência

O Benfica comunicou hoje à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) a venda dos direitos federativos do futebolista Rodrigo aos espanhóis do Valência, clube treinado pelo português Nuno Espírito Santo, por 30 milhões de euros.

© Vincent West / Reuters

Em janeiro, o Benfica tinha acordado com a sociedade Meriton Capital Limited a alienação de 100% dos direitos económicos de Rodrigo por 30 ME. 

No comunicado enviado hoje à CMVM, a SAD do Benfica refere que a totalidade do valor obtido na alienação será transferida a favor da sociedade Meriton.

Na sua página oficial, o clube espanhol explica que Rodrigo Moreno, que na época passada alinhou no Valência por empréstimo do Benfica, assinou contrato válido por quatro temporadas.

"Depois de um ano no Valência estou muito feliz e com vontade de ser melhor cada dia que passa. Agora é preciso conseguirmos chegar à fase de grupos da Liga dos Campeões. Tive a sorte de jogar essa competição com o Benfica e quero agora fazê-lo com o Valência", disse.

O avançado internacional espanhol, que na época passada disputou 31 jogos pelo Valência, disse estar convicto de que "com muito trabalho e com o apoio dos adeptos a equipa vai chegar longe".



Lusa
  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • "Foi um golpe muito forte"
    1:41
  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • SIC acompanhou Francisco George no último dia como diretor-geral da Saúde
    6:20