sicnot

Perfil

Desporto

Sinisa Mihajlovic é o novo treinador do AC Milan

O AC Milan confirmou esta terça-feira a contratação do treinador sérvio Sinisa Mihajlovic, pouco depois de ter anunciado a saída de Filippo Inzaghi do comando técnico da equipa da Liga italiana de futebol.

Aos 46 anos, o antigo defesa vai treinar a formação 'rossonera' depois de ter orientado clubes como Sampdoria, Fiorentina, Catania e Bolonha e a seleção sérvia. (Arquivo)

Aos 46 anos, o antigo defesa vai treinar a formação 'rossonera' depois de ter orientado clubes como Sampdoria, Fiorentina, Catania e Bolonha e a seleção sérvia. (Arquivo)

© Tony Gentile / Reuters

"Sinisa Mihajlovic, que assinou um contrato de dois anos, vai ser o novo treinador do AC Milan na próxima época desportiva. A sociedade deseja um bom trabalho e melhores resultados", lê-se no comunicado do clube sete vezes campeão europeu.

Aos 46 anos, o antigo defesa vai treinar a formação 'rossonera' depois de ter orientado clubes como Sampdoria, Fiorentina, Catania e Bolonha e a seleção sérvia.

Como jogador, Mihajlovic terminou a carreira no Inter Milão, tendo defendido ainda emblemas como Lazio, Sampdoria, Roma, Estrela Vermelha, Vojvodina e Borovo.

Em 2014/15, o AC Milan falhou a qualificação para a Liga Europa, ao terminar a Liga italiana no 10.º lugar, a pior classificação das últimas três décadas, desde que Silvio Berlusconi lidera o clube.
Lusa
  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.