sicnot

Perfil

Desporto

Arturo Vidal sai em liberdade após conduzir alcoolizado

O futebolista chileno Arturo Vidal foi esta quarta-feira libertado, após ter protagonizado um acidente na terça-feira, quando conduzia sobre o efeito de álcool, e continuará na seleção chilena que está a disputar a Copa América.

De acordo com fontes judiciais chilenas, citadas pela EFE, o médio da Juventus ficou com a carta de condução retida e tem a obrigatoriedade de se apresentar mensalmente durante o período em que decorrer o processo.

De acordo com fontes judiciais chilenas, citadas pela EFE, o médio da Juventus ficou com a carta de condução retida e tem a obrigatoriedade de se apresentar mensalmente durante o período em que decorrer o processo.

© Ivan Alvarado / Reuters

De acordo com fontes judiciais chilenas, citadas pela EFE, o médio da Juventus ficou com a carta de condução retida e tem a obrigatoriedade de se apresentar mensalmente durante o período em que decorrer o processo.

Depois de ser posto em liberdade, Vidal juntou-se à restante comitiva da seleção chilena no centro de estágio, onde o selecionador do Chile, o argentino Jorge Sampaoli, disse que o médio, melhor marcador da Copa América, se mantém na equipa.

"Não decidimos suspendê-lo. Acho que não é tão grave como alguns quiseram fazer crer", disse Sampaoli, em conferência de imprensa.

Na terça-feira, Vidal teve um aparatoso acidente quando conduzia sob o efeito de álcool -- o teste revelou 1,2 gramas de álcool por litro de sangue.

O acidente aconteceu por volta das 22:00 locais de terça-feira, perto de Santiago, e envolveu um segundo automóvel, cujo condutor não sofreu ferimentos.

Por seu lado, Vidal sofreu feridas leves e foi atendido no hospital, enquanto a sua esposa, que o acompanhava no veículo, teve feridas "de média gravidade".

Segundo a imprensa local, o jogador chileno passou a tarde num casino perto de Santiago, aproveitando as horas de folga concedidas pelo selecionador Jorge Sampaoli.

Lusa
  • Arturo Vidal sofre acidente de viação alcoolizado
    0:40

    Desporto

    O chileno Arturo Vidal foi detido na sequência de um acidente de viação quando conduzia sob o efeito de álcool. Depois de um dia de folga, o jogador estava de regresso à concentração da seleção do Chile quando sofreu um aparatoso acidente que envolveu mais três carros. Vidal e a mulher sofreram apenas sofreram ferimentos ligeiros. A polícia assegura que o jogador foi apanhado com 1.2 gramas de álcool no sangue e arrica-se agora a uma multa pesada. As causas do acidente também estão a ser investigadas.

  • Equipa da SIC impedida de entrar na Venezuela

    País

    A SIC tinha uma equipa a caminho da Venezuela para cobrir as eleições da Assembleia Constituinte que decorrem no domingo. No entanto o jornalista Luís Garriapa e o repórter de imagem Odacir Junior foram impedidos de entrar no país. A equipa de reportagem foi barrada à chegada ao aeroporto de Caracas. Num despacho enviado à companhia aérea que os transportou, tanto o jornalista como o repórter de imagem são considerados "inadmissíveis no território da Venezuela".

  • "Fomos considerados inadmissíveis no território da Venezuela"
    4:43

    País

    O jornalista Luís Garriapa entrou em direto no Jornal da Noite, para explicar o que aconteceu esta quinta-feira, no aeroporto de Caracas. A equipa de reportagem de SIC foi impedida de entrar na Venezuela, onde ia cobrir as eleições da Assembleia Constituinte, marcadas para domingo.

  • Marcelo lembra como foi tratada a tragédia durante a ditadura
    2:25
  • Costa alerta para "condições particularmente adversas"
    1:47

    País

    O primeiro-ministro alertou para a possibilidade de novos incêndios de grandes dimensões, muito por causa da situação de seca que grande parte do território atravessa. António Costa pediu aos portugueses um "particular cuidado com todos os comportamentos de risco".

  • Ministra admite falhas no SIRESP no presente e no passado
    2:35

    País

    A ministra da Administração Interna admitiu, esta quinta-feira, que o SIRESP falha no presente tal como já falhou no passado, quando a tutela pertencia ao Governo PSD. Os sociais-democratas quiserem ouvir Constança Urbano de Sousa na comissão parlamentar mas desta vez a ministra defendeu-se com um ataque. 

  • Uma viagem aérea pela aldeia histórica de Monsanto
    0:50
  • Quase três mil toneladas de plástico ameçam tartarugas no Mediterrâneo
    2:35

    Mundo

    O Mar Mediterrâneo está sob a ameaça de se tornar uma lixeira com três mil toneladas de plástico a flutuarem entre a Europa e África. Há milhões de turistas a nadarem nestas águas e há espécies marinhas que já estão em perigo. No Chipre, os cientistas estão a tentar proteger tartarugas, cuja alimentação já é quase totalmente de plástico.