sicnot

Perfil

Desporto

Paulo Sousa vai treinar a Fiorentina

O português Paulo Sousa vai treinar a equipa principal da Fiorentina, anunciou hoje o clube italiano de futebol, sem divulgar mais pormenores sobre a contratação.

© Arnd Wiegmann / Reuters

"A Fiorentina anuncia ter chegado hoje a acordo com Paulo Sousa, que vai tornar-se seu treinador", refere uma nota divulgada no sítio do clube na internet,

Segundo a mesma nota, Paulo Sousa é esperado segunda-feira em Florença e deverá dar uma conferência de imprensa às 18:00 (hora de Lisboa), no estádio Artemio Franchi.

Paulo Sousa rescindiu amigavelmente, na quarta-feira, o contrato com os suíços do Basileia, que só terminava em 2017.

O técnico português sagrou-se este ano pela segunda vez campeão, desta feita na Suíça, depois ter conseguido o mesmo feito em Israel ao serviço do Maccabi Telavive.

Paulo Sousa enquanto técnico passou pelos escalões de formação da seleção portuguesa, por Inglaterra (Swansea, Leicester e Queens Park Rangers), Hungria (Videoton), Israel (Maccabi Telavive) e agora Suíça (Basileia).

Antigo futebolista de Benfica e Sporting, de 44 anos, Paulo Sousa brilhou enquanto jogador ao serviço da Juventus e Borussia Dortmund, clubes nos quais conquistou duas Ligas dos Campeões.










Lusa
  • PSD está a "perder terreno" na escolha de candidato a Lisboa
    1:46

    País

    Quem o diz é Luís Marques Mendes: o PSD perde na demora da escolha de um candidato para a Câmara de Lisboa. O líder Passos Coelho rejeita apoiar a candidatura de Assunção Cristas e garante que o partido vai ter um candidato próprio. Segundo o comentador da SIC, o último convite foi dirigido a José Eduardo Moniz.

  • Motim em prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos
    1:09

    Mundo

    Um novo motim numa prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos. A prisão, que é a maior do Estado do Rio Grande do Norte, tem capacidade para 600 reclusos mas acolhe quase o dobro. Após o motim de 14 horas, a polícia já tem o controlo total da prisão.

  • Aqui também se vive
    16:07
  • Austrália condena Japão por caça de baleias no Oceano Antártico

    Mundo

    O Governo da Austrália condenou hoje o Japão por retomar a caça de baleias no Oceano Antártico, após a divulgação de imagens de um cetáceo morto a bordo de um barco japonês que se encontrava em águas protegidas.O ministro do Ambiente, Josh Frydenberg, manifestou "profunda deceção", um dia depois de a organização Sea Shepherd divulgar fotografias e vídeos de uma baleia minke no barco japonês Nisshin Maru.