sicnot

Perfil

Desporto

Pai de Diego Maradona morre aos 87 anos

Diego Maradona, pai da antiga 'estrela' do futebol argentino Diego Armando Maradona, morreu esta quinta-feira, aos 87 anos, numa clínica em Buenos Aires, devido a problemas respiratórios.

Depois de conhecer o agravar do estado de saúde do pai, o antigo futebolista acorreu desde logo à clínica, na qual se encontrava quando se confirmou a morte. (Arquivo)

Depois de conhecer o agravar do estado de saúde do pai, o antigo futebolista acorreu desde logo à clínica, na qual se encontrava quando se confirmou a morte. (Arquivo)

© Enrique Marcarian / Reuters

Segundo as primeiras informações da clínica de Los Arcos, na qual estava internado há duas semanas, Diego Maradona sofreu uma descompensação grave, da qual já não recuperou.

Depois de conhecer o agravar do estado de saúde do pai, o antigo futebolista acorreu desde logo à clínica, na qual se encontrava quando se confirmou a morte.
Lusa
  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".