sicnot

Perfil

Desporto

Godinho Lopes confirma expulsão do Sporting

O ex-presidente do Sporting Luís Godinho Lopes confirmou hoje que já foi notificado da decisão da expulsão de de sócio do clube. Acusa a atual direção de ter esse "objetivo pré-traçado" e garante que vai processar os responsáveis pelo seu afastamento.

"Quando se abre um inquérito que leva sete meses e durante esse período, tal como na chamada auditoria de gestão, não se interroga os visados, é porque se quer expulsar, independente de qualquer defesa. As razões e fundamentos apresentados são extraídos de um contexto, com omissão propositada de informação, com vista a atingir o objetivo pré-traçado", afirmou Godinho Lopes, em comunicado.

Por isso mesmo, o antigo presidente 'leonino', que esteve no cargo entre 2011 e 2013, vai "repor a verdade dos fatos" em tribunal e "processar pessoalmente" todos os responsáveis pela sua expulsão como sócio do Sporting.

"Irei processar pessoalmente os que agora me expulsaram e também os que tentaram prejudicar a minha imagem, pondo em causa os seis anos da minha vida que dediquei a tempo inteiro com prazer e sem contrapartidas ao clube, mas com sérios prejuízos profissionais e familiares", referiu Godinho Lopes, que também teve uma passagem pelo emblema lisboeta entre 1999 e 2003, mas como vice-presidente.

Sobre a auditoria realizada à sua gestão como presidente do Sporting, e que será apresentada no domingo aos sócios em Assembleia- Geral, o ex-dirigente de 62 anos lamentou que nunca tenha sido ouvido e questionado durante todo o processo.

"Os visados não conhecem os mesmos nem lhes foram feitas quaisquer perguntas. No entanto, a comunicação social foi informada e as conclusões de uma auditoria que não o foi vão ser apresentadas amanhã (domingo) em Assembleia-Geral. Ouvir falar de desvios sem conhecer nem a base nem o seu objeto é calúnia. É assim que é gerido hoje o nosso Sporting. Quando tudo parece tranquilo, sem oposição interna e com sede de ganhar no futebol, decide-se minar por dentro", considerou.

Godinho Lopes garantiu ainda que "nunca" usou o cargo de presidente do Sporting para benefício próprio e que não existiu qualquer "dolo" durante a sua gestão.

"Todas as atitudes que tomei foram para beneficiar exclusivamente o Sporting Clube de Portugal", concluiu.



Com Lusa
  • Será que lavar em lavandarias self-service compensa?
    8:21
  • "Não se pode voltar atrás, o povo de Deus confirmou a necessidade deste Papa"
    3:15
  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Primeira dama chinesa defende avanços na igualdade

    Mundo

    A primeira dama chinesa, Peng Liyuan, defendeu os avanços da China em matéria de igualdade dos géneros. Uma rara entrevista, difundida numa altura em que feministas chinesas asseguram serem controladas pela polícia face às suas campanhas.