sicnot

Perfil

Desporto

Sébastien Ogier vence a superespecial de abertura do Rali da Polónia

O francês Sébastien Ogier (Volkswagen Polo-R), bicampeão do mundo e líder do campeonato, venceu hoje a superespecial de abertura do Rali da Polónia, sétima etapa do Mundial de ralis.

NIKOS MITSOURAS

O vencedor de quatro das seis primeiras corridas do Mundial gastou 1.43,9 minutos para cumprir os 2,5 quilómetros da especial, a única do primeiro dia e que se disputou na Mikolajki Arena, em Ursynow.

Na segunda posição, ficou o polaco Robert Kubica (Ford Fiesta RS), a 0,5 segundos, seguido do terceiro do Mundial, o norueguês Andreas Mikkelsen (Volkswagen Polo-R), a 0,6.

O norueguês Mads Ostberg (Citroën DS3), segundo do Mundial, foi apenas 11.º na especial, já a 3,2 segundos de Ogier, enquanto o britânico Kris Meeke (Citroën DS3) foi 17.º, a 4,1, depois de ter sofrido um violento despiste no 'shakedown'.

O português Bernardo Sousa (Peugeot 208) foi o 36.º classificado, a 9,9 segundos do líder, ocupando o 20.º posto da categoria WRC2, a 7,3 do francês Stephane Lefrebvre (Citroën DS3).

Na sexta-feira correm-se oito especiais classificativas, num total de 155,04 quilómetros cronometrados.

Lusa

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15