sicnot

Perfil

Desporto

FC Porto arranca temporada com 26 jogadores

O FC Porto cumpriu hoje o primeiro treino da época futebolística de 2015/15, no Olival, em Vila Nova de Gaia, onde treinaram 26 jogadores às ordens de Julen Lopetegui.

SIC

Os 'reforços' André André, Bueno, Danilo Pereira e Imbula já integraram a sessão, que contou com a presença do presidente do FC Porto, Pinto da Costa, e do diretor-geral da SAD 'azul e branca' Antero Henrique.

Além das quatro contratações, Lopetegui contou ainda com o guarda-redes Raul Gudinõ, os defesas David Bruno, Victor Garcia e Lichnovsky e o avançado André Silva.

Gonçalo Paciência, Sérgio Oliveira, Ricardo Pereira, Rúben Neves, Quaresma e Quintero estiveram ausentes do arranque dos trabalhos, devidamente autorizados a prolongar as férias por terem representado as respetivas seleções, enquanto os mexicanos Reyes e Herrera vão disputar a Gold Cup.

Depois do primeiro treino, os 'dragões' vão cumprir os habituais exames médicos.

 

Plantel provisório para 2015/16:

- Guarda-redes: Andrés Fernández, Gudiño, Helton, Ricardo Nunes

- Defesas: Alex Sandro, David Bruno, Igor Lichnovsky, José Ángel, Maicon, Marcano, Martins Indi, Víctor García, Ricardo Pereira e Reyes.

- Médios: André André (ex-Vitória de Guimarães), Danilo Pereira (ex-Marítimo), Evandro, Francisco Ramos, Imbula (ex-Marselha/Fra), Otávio (ex-Vitória de Guimarães), Tiago Rodrigues (ex-Nacional), Ruben Neves, Quintero, Sérgio Oliveira (ex-Paços de Ferreira) e Herrera.

- Avançados: Aboubakar, Adrián López, Brahimi, Bueno (ex-Rayo Vallecano/Esp), Hernâni, Tello, Gonçalo Paciência, Ricardo Quaresma e André Silva.

Treinador: Julen Lopetegui.

 

Saídas: Danilo (Real Madrid/Esp), Casemiro (Real Madrid/Esp),Óliver (Atlético Madrid/Esp), Campaña (Sampdoria/Ita) e Jackson Martínez (Atlético Madrid/Esp).

 

Lusa

  • PSD e CDS assinalam 36º aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro
    1:38

    País

    O presidente do PSD deixou críticas ao Partido Comunista, este domingo, a propósito do aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro. Pedro Passos Coelho lembrou os festejos dos comunistas na altura, numa resposta a quem questionou a abstenção dos sociais-democratas ao voto de pesar a Fidel Castro, que o PCP levou ao Parlamento. Este domingo, tanto o PSD como o CDS-PP prestaram homenagem a Sá Carneiro e Adelino Amaro da Costa.