sicnot

Perfil

Desporto

Xavi critica a forma como Real Madrid tratou Casillas

.O antigo capitão e futebolista do FC Barcelona Xavi Hernández lamentou, em carta publicada no La Vanguardia, a forma como o Real Madrid lidou com o processo de saída do seu amigo Casilla

© Tony Gentile / Reuters

"Sabe-me muito mal a sua saída do Real Madrid. Dá-me pena. Parece 'descafeinada'. [Casillas] Não precisa que lhe diga que é um grande, de quem gosto muito. Desejo-te muita sorte na tua nova etapa no FC Porto, amigo", escreveu Xavi.

O antigo jogador do FC Barcelona teceu rasgados elogios ao novo jogador dos 'dragões', dizendo que, na sua opinião, Casillas, de 34 anos, é o guarda-redes mais decisivo da história.

"Como é que não se pode valorizar o Iker? Dava-me nervos jogar contra ele. É o guarda-redes mais decisivo da história, que defesas", disse Xavi, lembrando que conhece Casillas desde o Mundial de sub-17 disputado no Egito em 1997.

O jogador, que deixou esta época o FC Barcelona, falou também da rivalidade entre os dois emblemas, o que nunca abalou a amizade entre ambos, que estava acima dos clubes.

Xavi disse ainda que se considera um afortunado pela forma como foi valorizado pelo 'Barça' na hora da sua saída para o Al-Sadd, do Qatar.

"Eu, por tudo o que passei no Barça este ano considero-me a exceção, um afortunado. Iker merecia o tratamento que sempre teve para com todos", criticou o médio, dizendo que também Nadal, o melhor desportista espanhol, é maltratado.

O médio espanhol disse que Casillas estava a jogar sob pressão e comparou-o com o italiano Buffon, acarinhado aos 37 anos, dizendo que o ex-'merengue' tinha de provar a cada jogo que era muito bom, sem a alegria no jogo.

"Agora que vai para o FC Porto estou seguro que será recebido como um herói. Irá ficar louco. Fora daqui [de Espanha] vão-lhe dar mais valor", acrescentou.

O FC Porto já oficializou a contratação de Casillas por duas épocas, mais uma de opção, e o guarda-redes deve juntar-se ainda hoje ao plantel que se encontra a estagiar em Horst, na Holanda.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.