sicnot

Perfil

Desporto

Casillas quer mostrar-se como verdadeiro reforço do FC Porto

O guarda-redes espanhol Iker Casillas disse hoje que pretende mostrar-se como verdadeiro reforço do FC Porto, sublinhando ainda, que ninguém deve duvidar do seu esforço e compromisso com o clube de futebol português.

Pinto da Costa referiu o facto de Luís Duque ter revelado aos clubes "factos extremamente graves relacionados com a FPF (federação) e a arbitragem", mas que depois nada fez quanto aos mesmos.

Pinto da Costa referiu o facto de Luís Duque ter revelado aos clubes "factos extremamente graves relacionados com a FPF (federação) e a arbitragem", mas que depois nada fez quanto aos mesmos.

Paulo Duarte / AP

"Vou jogar no FC Porto com a mesma vontade e motivação que tinha no início da carreira e pretendo dar o meu melhor pelo clube todos os dias", afirmou o internacional espanhol, em comunicado enviado à agência EFE.

Após as primeiras horas como dragão, o capitão da seleção espanhola, destacou a forma "excecional" como foi recebido, tanto pela direção como pelos adeptos, afirmando que espera retribuir toda a confiança depositada nele.

"A minha primeira impressão não podia ser melhor, por isso estou muito feliz, motivado e com muita vontade de começar a jogar por este clube", disse o madrileno, após ter-se juntado aos seus novos companheiros em Horst, na Holanda, onde a equipa comandada por Julen Lopetegui está a realizar o estágio de pré-temporada.

Iker Casillas, de 34 anos, que deixou os merengues após 25 anos de ligação, 16 dos quais na equipa principal, afirmou ainda que considera os dragões o melhor clube de Portugal e um dos melhores da Europa.

Lusa

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.