sicnot

Perfil

Desporto

Ivan Cavaleiro volta a marcar pelo Mónaco na vitória sobre o PSV

Ivan Cavaleiro voltou esta sexta-feira a marcar na vitória por 3-1 do Mónaco frente ao PSV Eindhoven, em jogo de futebol de preparação, depois de já o ter feito na estreia perante o Queens Park Rangers.

O ex-avançado do Benfica, que custou 15 milhões de euros ao clube monegasco, marcou ao minuto 17, de penálti.

O ex-avançado do Benfica, que custou 15 milhões de euros ao clube monegasco, marcou ao minuto 17, de penálti.

AS Monaco

O ex-avançado do Benfica, que custou 15 milhões de euros ao clube monegasco, marcou ao minuto 17 de penálti, curiosamente o mesmo minuto em que se estreou a marcar no primeiro jogo de preparação frente aos ingleses, na passada terça-feira.

O treinador Leonardo Jardim colocou três jogadores portugueses no onze inicial da equipa do Principado, Ricardo Carvalho e João Moutinho, além do já referido Ivan Cavaleiro, e só não foram quatro porque Bernardo Silva regressou do Euro2105 de sub-21 com uma rotura muscular e está em recuperação da lesão.

Os restantes golos surgiram nos minutos finais, o primeiro aos 84 minutos, que restabeleceu o empate para os holandeses, por intermédio de Locadia, mas o Mónaco marcaria mais dois, aos 85 e aos 88, por Elderson, ex-lateral esquerdo do Sporting de Braga, e Martial, fixando o resultado final em 3-1.

Lusa

  • Todos os distritos sob Aviso Amarelo devido ao frio

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera colocou Portugal continental sob Aviso Amarelo na quarta e na quinta-feira. Os termómetros vão estar abaixo de zero em todo o território, à exceção dos distritos de Lisboa, Porto e Faro.

  • Motim em prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos
    1:09

    Mundo

    Um novo motim numa prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos. A prisão, que é a maior do Estado do Rio Grande do Norte, tem capacidade para 600 reclusos mas acolhe quase o dobro. Após o motim de 14 horas, a polícia já tem o controlo total da prisão.

  • Aqui também se vive
    16:07
  • Austrália condena Japão por caça de baleias no Oceano Antártico

    Mundo

    O Governo da Austrália condenou hoje o Japão por retomar a caça de baleias no Oceano Antártico, após a divulgação de imagens de um cetáceo morto a bordo de um barco japonês que se encontrava em águas protegidas.O ministro do Ambiente, Josh Frydenberg, manifestou "profunda deceção", um dia depois de a organização Sea Shepherd divulgar fotografias e vídeos de uma baleia minke no barco japonês Nisshin Maru.