sicnot

Perfil

Desporto

Ciclista Chris Froome não compreende clima de suspeição à sua volta

O ciclista britânico Chris Froome, camisola amarela da Volta a França, lamentou hoje que a imprensa esteja a dar tanta importância aos seus dados de potência, questionando o porquê de estar a ser tão questionado.

© Benoit Tessier / Reuters

"Os dados das minhas performances são propriedade intelectual da equipa. Se ela quiser publicá-los, não vejo qualquer problema. Mas é frustrante para mim ser tão visado. Quando olhamos para as cinco últimas grandes Voltas, não houve tanta atenção sobre a força e os dados de uns ou outros", salientou o líder da Sky, que visto as suas exibições associadas a um eventual recurso a substâncias dopantes.

Desde que os seus dados de potência foram publicados há uma semana pela imprensa, devido a um suposto ato de pirataria à sua equipa, o vencedor da Volta a França de 2013 tem enfrentado permanentes dúvidas sobre o seu rendimento desportivo, tendo mesmo sido alvo de um ataque com urina por parte de um espectador, no sábado.

"Contador ou outros não foram tão visados neste ponto de vista. Porquê tanta atenção sobre mim? Tenho dificuldade em perceber", interrogou.

Questionado sobre o que pensa sobre o facto de antigos ciclistas dopados serem atuais comentadores televisivos, o britânico foi taxativo: "Não sou fã, porque não são os melhores exemplos a seguir".

Na décima etapa, Froome foi arrasado pelos comentadores da France Télévisions, Cédric Vasseur e Laurent Jalabert, que manifestaram a sua descrença quanto à exibição esmagadora do homem da Sky.

O camisola amarela foi hoje defendido pelo presidente da União Ciclista Internacional (UCI), o seu compatriota Brian Cookson.

Lusa

  • Assalto à base militar de Tancos
    0:42

    País

    Cerca de uma centena de granadas e várias munições foram roubadas dos paióis da base militar de Tancos. A Polícia Judiciária Militar já está a investigar.

  • Detido antigo diretor regional do BES na Madeira

    Queda do BES

    Foi detido o antigo diretor do Banco Espírito Santo da Madeira, no âmbito do chamado processo ao Universo GES. João Alexandre Silva tinha sido também o representante do BES na Venezuela, onde a instituição portuguesa abriu várias agências em diversas cidades e tinha cerca de 7600 clientes domiciliados.

    Notícia SIC

  • Couves, arroz integral e bróculos biológicos com pesticidas sintéticos
    2:29
  • ASAE apreende leite com água oxigenada para fabrico de queijo

    Economia

    A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu leite com água oxigenada, destinado ao fabrico de queijo. As investigações decorreram nos últimos dois meses e foram dirigidas a vários produtores de leite. As investigações iniciaram-se com a deteção de uma viatura para transporte do leite sem qualquer sistema de refrigeração.

  • Porto Design Factory: um lava-louças com tecnologia ultrassom e muitas outras coisas
    1:45
  • Jovens participam na maior competição nacional de aplicações
    2:10

    País

    O presente e o futuro passam cada vez mais pelas novas tecnologias, sobretudo as aplicações. Alunos de cerca de 100 escolas estão a participar na terceira edição da Apps For Good, a maior competição nacional de aplicações desenvolvidas por jovens, que decorre em Matosinhos.

  • O iPhone faz 10 anos
    2:01