sicnot

Perfil

Desporto

Maradona apoia Panamá e diz que meia-final da Gold Cup devia ser repetida

O ex-futebolista argentino Diego Maradona solidarizou-se com a seleção do Panamá e defendeu que o encontro com o México, das meias-finais da Gold Cup de futebol, deveria ser repetida, devido à má arbitragem do norte-americano Mark Geiger.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Marcos Brindicci / Reuters

"Solidarizo-me com os jogadores do Panamá. O jogo deveria ser repetido e expulsar o árbitro", escreveu Maradona na sua página oficial na rede social Facebook.

O árbitro do encontro marcou duas grandes penalidades duvidosas, a primeira das quais a um minuto dos 90, quando o Panamá vencia por 1-0, e a segunda no prolongamento.

"A transparência continua a brilhar pela sua ausência desde o Mundial de Itália90, onde o mexicano Codesal nos roubou a todos os argentinos", recordou o ex-futebolista, lembrando a final do torneio em que a Argentina perdeu com a Alemanha, por 1-0.

No final do encontro, o treinador do Panamá, Hernan Dario Gomez, falou em "um grande roubo, um assalto à mão armada".

"O árbitro [Mark Geiger] cometeu um erro monumental e, por causa disso, todo o nosso esforço foi por 'água abaixo'. Em alguns momentos do jogo pensei em retirar-me do futebol e mesmo alguns jogadores não queriam continuar em campo", acrescentou o técnico panamiano.

O treinador do México, Miguel Herrera, também afirmou que o árbitro esteve mal no jogo, pois o primeiro penalti que favoreceu a sua equipa não existiu.

Na final da Gold Cup, que vai ser disputada a 27 de julho, o México vai encontrar a Jamaica, finalista surpresa após ter vencido os Estados Unidos, também por 2-1.

Lusa

  • Passagem do México à final da Gold Cup envolta em polémica
    1:06

    Desporto

    O jogo que apurou o México para a final da Gold Cup está a gerar polémica. A competição coloca frente a frente as melhores seleções da América Central e do Norte. A meia final foi contra o Panamá, que diz ter sido vítima de um "assalto à mão armada" na derrota por 2-1 após prolongamento.

  • "Não partilhei SMS com ninguém"
    0:43

    Caso CGD

    António Domingues afirma que nunca revelou o conteúdo das mensagens trocadas com o ministro das Finanças sobre a entrega das declarações de património ao Tribunal Constitucional. O tema dos SMS foi abordado pelo ex-presidente da Caixa na sequência de uma pergunta do PCP sobre declarações feitas por António lobo Xavier no programa da SIC Notícias "Quadratura do Círculo".

  • "As regras europeias de bem estar animal são dogmas", diz diretor-geral de Veterinária
    1:32

    País

    O diretor-geral de Alimentação e Veterinária considera que as regras de bem estar animal que existem na União Europeia (UE) "parecem configurar uma transfiguração antropomórfica dos animais". Em declarações à SIC, a propósito da exportação de animais vivos para países terceiros, que têm outras regras de abate, Fernando Bernardo defendeu ainda que o método usado em Israel provoca uma insensibilização mais rápida do que o praticada na UE.

  • PAN questiona Governo sobre aposta na exportação de animais vivos para o Médio Oriente
    1:56

    País

    O partido Pessoas-Animais-Natureza lembra que à luz do Regulamento nº. 1/2005 do Conselho Europeu, os estados-membros da União Europeia (UE) devem evitar transportar animais vivos em viagens de longo curso. O deputado André Silva considera, por isso, que "o Estado português está a incumprir o regulamento" ao fomentar estas viagens, numa clara aposta económica em torno da exportação de animais vivos para Israel e outros destinos fora da UE. Para o deputado do PAN, é muito difícil ou "mesmo impossível assegurar o bem estar dos animais" em viagens de vários dias.

  • Trump pensou que presidência "seria mais fácil"

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos Donald Trump afirmou que a Presidência é mais difícil do que pensava e que tem saudades da vida que levava antes, em entrevistas a propósito dos primeiros 100 dias em funções.