sicnot

Perfil

Desporto

Usain Bolt regressa à competição com vitória nos 100 metros em Londres

O jamaicano Usain Bolt regressou hoje à competição com um triunfo nos 100 metros do 'meeting' de Londres da Liga Diamante, conseguindo a sexta melhor marca da temporada a cerca de um mês dos Mundiais.

© Reuters Staff / Reuters

Depois de ter falhado as provas da Liga Diamante de Lausana e Paris, devido a lesão, Bolt regressou à competição com um triunfo, com um tempo de 9,87 segundos na meia-final e na final, ambas com vento contra.

Depois de vencer a meia-final com tranquilidade e a desacelerar nos metros finais, debaixo de chuva e com vento de contra 1,2 m/s, na final uma má partida obrigou Bolt a esforçar-se até ao final, batendo o norte-americano Michael Rodgers por apenas dois centésimos.

"No geral, foi uma boa corrida. Queria correr mais rápido, mas a minha partida foi muito má e isso prejudicou-me (...). Sinto que estou a chegar lá e isso é uma coisa boa", disse o recordista mundial dos 100, 200 e 4x100 metros.

Esta temporada, Bolt tinha corrido os 100 metros em apenas uma ocasião, com uma marca modesta de 10,12 segundos no Brasil, com o norte-americano Justin Gastlin a ter o melhor tempo do ano, com 9,74.

"Tenho de trabalhar muito até Pequim [onde vão decorrer os Mundiais]. Tenho de continuar a puxar por mim. Senti-me bem. Se trabalhar na minha partida, vou estar bem. Tenho de ser mais consistente", disse.

Lusa

  • Mário Centeno lidera hoje a primeira reunião do Eurogrupo
    1:56
  • Eleição de Rio "embaraça" PCP e BE
    0:34

    Opinião

    Luís Marques Mendes considera que a eleição de Rui Rio veio criar embaraço ao PCP e Bloco de Esquerda. O comentador da SIC considera que a promessa de que venha a haver pactos de regime entre PS e PSD é motivo de preocupação para os parceiros do Governo.

  • Quem são os arguidos da operação Fizz
    2:29

    País

    É já considerado o julgamento do ano da justiça portuguesa e o caso que está a abalar as relações entre Portugal e Angola. O processo da operação Fizz tem quatro arguidos, mas um deles, já é certo, não irá sentar-se esta segunda-feira no banco dos réus.

  • Que shutdown é este que paralisou os EUA?
    2:27
  • Casal que mantinha filhos acorrentados queria participar num reality show
    3:15
  • Quase 100 atletas testemunharam contra médico Larry Nassar
    1:38

    Desporto

    Quase 100 atletas e antigas ginastas da seleção dos Estados Unidos da América confrontaram esta semana, em tribunal, o médico Larry Nassar, acusado de assédio sexual. Em dezembro, o clínico foi condenado a 60 anos de prisão por um tribunal do Michigan, por posse de pornografia infantil.