sicnot

Perfil

Desporto

Brahimi promete dar o máximo para ajudar o FC Porto a ganhar

O internacional argelino Brahimi desvalorizou hoje a primeira derrota do FC Porto na pré-temporada e prometeu dar o máximo para ajudar a equipa a ganhar o maior número de jogos.

© Miguel Vidal / Reuters

Um dia após o desaire por 2-1 com o Borussia Mönchengladbach, o extremo portista, em declarações ao Porto Canal, elogiou o plantel do FC Porto, bem como os primeiros dias de preparação para a nova época.

"Todos os jogadores estão a seguir o mesmo caminho. Fizemos três jogos, ganhámos dois. É verdade que perdemos o último, mas este tipo de jogos servem para aprendermos e continuarmos a trabalhar para melhorarmos e chegarmos ao primeiro jogo do campeonato da melhor maneira possível", explicou.

Brahimi reforçou que a primeira derrota da época "não é motivo de preocupação", referindo a equipa "fez coisas boas".

"Ganhar o campeonato é o nosso principal objetivo. Pessoalmente, quero continuar a aprender e a dar o melhor de mim para ajudar o clube da melhor maneira possível", confidenciou.

Para o jogador argelino, o facto de este ano não haver Taça das Nações Africanas "é uma vantagem, porque é uma competição que implica um desgaste físico muito grande".

"Para além disso, vou poder concentrar-me quase exclusivamente no clube", afirmou ainda.

Quando questionado se este poderá ser o ano de afirmação de Brahimi, o jogador foi perentório: "Espero que sim, trabalho para isso, para melhorar a cada dia, para marcar mais golos e assim poder ajudar a minha equipa a ganhar títulos e o maior número de jogos possível".

Brahimi aproveitou ainda para elogiar o reforço Imbula, garantindo que será uma boa aposta para o futuro: "É um jogador que vai dar muitas coisas bonitas ao FC Porto".

Lusa

  • Portugal a tremer de frio
    3:07

    País

    Portugal continua a registar temperaturas negativas, sobretudo no Norte do país. Em Trás-os-Montes, por exemplo, marcaram mínimas de 11 graus abaixo de zero e os termómetros desceram tanto que congelaram rios, canalizações de água e até aquecimentos de escolas. Mas nem tudo é mau pois os produtores falam em boa época para curar fumeiro.

  • Michelle Obama partilhou momento de despedida da Casa Branca
    1:43
  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Podem as plantas ver, ouvir e até reagir?

    Mundo

    Um professor de Ciências Vegetais da Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, passou quatro décadas a investigar as relações entre vegetais e insetos. Na visão de Jack Schultz, as plantas são "como animais muito lentos", que conseguem ver, ouvir, cheirar e até têm comportamentos próprios.

  • Zoo da Indonésia acusado de querer matar ursos à fome

    Mundo

    Um grupo de ativistas da Indonésia acusa o Jardim Zoológico de Bandung de estar a matar à fome os seus animais, incluindo os ursos-do-sol, para ser fechado. Um vídeo recentemente publicado mostra os ursos, que aparecem muito magros e a implorar por comida.