sicnot

Perfil

Desporto

Vettel vence GP da Hungria, Hamilton reforça liderança no Mundial

Alemão Sebastien Vettel (Ferrari), tetracampeão, venceu hoje o Grande Prémio da Hungria, décima prova do Mundial de Fórmula 1, somando o segundo triunfo na época, o 41.º da carreira.

© Bernadett Szabo / Reuters

Vettel, que em 2015 tinha ganho o Grande Prémio da Malásia, cortou a meta no circuito de Hunraroring, em Budapeste, à frente dos dois pilotos da Red Bull: o russo Daniil Kvyat, que subiu pela primeira vez na carreira ao pódio, e o australiano Daniel Ricciardo.

O britânico Lewis Hamilton (Mercedes), campeão em título e líder do Mundial de pilotos, terminou na sexta posição, enquanto o alemão Nico Rosberg, colega de equipa de Hamilton e segundo no Mundial, foi oitavo.

Quando faltam nove provas para fechar a época, Hamilton mantem a liderança do Mundial, agora com 202 pontos, seguido de Rosberg, com 181, e Vettel, com 160.

A próxima prova, o Grande Prémio da Bélgica, disputa-se a 23 de agosto, no circuito de Spa-Francorchamps.

Lusa

  • Vidas de fogo
    12:04

    Reportagem Especial

    Este ano durante o período mais crítico dos fogos, estão no terreno quase dez mil operacionais, a maioria bombeiros voluntários. A Reportagem Especial da SIC deste domingo "Vidas de fogo" dá a conhecer histórias de bombeiros que sobreviveram às chamas enquanto serviam o país.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.