sicnot

Perfil

Desporto

Ronaldo e Antunes nomeados para melhor golo da UEFA em 2014/15

Os portugueses Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Antunes (Dínamo de Kiev) estão nomeados para o melhor golo em competições da UEFA na temporada de 2014/15, anunciou esta segunda-feira o organismo que rege o futebol europeu.

Os dois internacionais lusos fazem parte de uma lista de 10 golos que estão a votos no site oficial da UEFA. (Arquivo)

Os dois internacionais lusos fazem parte de uma lista de 10 golos que estão a votos no site oficial da UEFA. (Arquivo)

© Javier Barbancho / Reuters

Os dois internacionais lusos fazem parte de uma lista de 10 golos que estão a votos no site oficial da UEFA e que abrangeu todas as competições europeias de clubes e seleções, desde a Liga dos Campeões ao Campeonato da Europa feminino de sub-17, que decorreram na última época.

O painel da UEFA escolheu o golo que Cristiano Ronaldo marcou no triunfo do Real Madrid por 3-0 no terreno do Liverpool, na fase de grupos da 'Champions', e a 'bomba' de Antunes no encontro entre o Dinamo de Kiev e o Everton, na Liga Europa.

Nesta lista, destaque ainda para a inclusão de Neymar e Lionel Messi, ambos do FC Barcelona, assim como Mariam Abdulai, uma jogadora de apenas 15 anos que representa a seleção belga feminina de sub-17.

Vasyl Kobin (Shakthar Donetsk), Aaron Ramsey (Arsenal), Erik Lamela (Tottenham), Robbie Muirhead (Escócia) e Kevin de Bruyne (Wolfsburgo) completam a lista de candidatos.

A votação poderá ser feita no site oficial da UEFA até 25 de agosto.

Lusa

  • A Catalunha "está farta da prepotência e dos abusos do governo"
    0:30
  • "Não há um verdadeiro debate democrático em Espanha"
    2:24
    Quadratura do Círculo

    Quadratura do Círculo

    QUINTA-FEIRA 23:00

    No Quadratura do Círculo desta quinta-feira, José Pacheco Pereira disse que este braço de ferro em território espanhol reforça a linha autoritária que existe em Espanha. Jorge Coelho considera que é urgente recorrer à diplomacia para definir um caminho a médio ou a longo prazo. Já o gestor Manuel Queiró afirma que Portugal não deve encarar este referendo com condescendência. 

  • Uber perde licença para operar em Londres

    Economia

    O regulador de transporte de Londres decidiu hoje que vai retirar à Uber a licença para operar na capital britânica. A proibição entra em vigor no final deste mês e vai afetar 40 mil motoristas da empresa multinacional norte-americana.

  • A corrida ao iPhone 8 no Japão, China e Austrália
    2:04
  • Óculos inteligentes permitem controlar telemóvel com o nariz
    1:05
  • Família Portugal Ramos
    15:01