sicnot

Perfil

Desporto

Florentino Pérez anuncia reestruturação na formação do Real Madrid

O presidente do Real Madrid, da I Liga espanhola de futebol, anunciou esta terça-feira uma reestruturação da formação do clube, o que levará ao desaparecimento da sua terceira equipa e à saída de cerca de 40 jovens da formação.

O presidente do Real Madrid, Florentino Pérez.

O presidente do Real Madrid, Florentino Pérez.

Paul White / AP

A equipa da formação 'merengue' mais afetada será o Real Madrid C, que foi despromovido à III divisão espanhola e acabou por desaparecer dos quadros da formação do clube.

Esta medida levada a cabo por Florentino Pérez não se restringiu apenas ao Real Madrid C. O Castilla, segunda equipa dos 'merengues', perdeu também vários jogadores importantes, que decidiram rescindir os seus contratos.

Depois de não ter conseguido subir à II divisão espanhola, a equipa comandada pelo francês Zinedine Zidane perdeu elementos como Álvaro Medrán, Derik Osede, José Rodríguez ou Jorge Franco, que terão que continuar a sua formação noutro emblema.

Lusa

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC