sicnot

Perfil

Desporto

Presidente da Federação felicita Proença e fala em "desafio muito exigente"

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol afirmou hoje que Pedro Proença tem um "desafio muito exigente" à frente da Liga de clubes e desejou "a melhor sorte no desempenho das altas funções" para as quais foi eleito.

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes. (Arquivo)

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes. (Arquivo)

LUSA

Numa nota publicada no site oficial da FPF, Fernando Gomes felicitou Proença pela vitória sobre Luís Duque e referiu que, findo o ato eleitoral, os clubes que compõem a Liga devem caminhar no sentido de um organismo "solidário, unido e mais forte".

"Pedro Proença terá pela frente um desafio novo e muito exigente. Vice-presidente da FPF por inerência da eleição, estou certo de que trabalharemos em conjunto para encontrarmos as melhores soluções para o futebol português", afirmou Fernando Gomes.

O dirigente máximo da FPF deixou ainda um "agradecimento" a Luís Duque, que assumiu o cargo de presidente da Liga de Clubes durante nove meses numa "conjuntura especialmente difícil para o futebol português".

O ex-árbitro Pedro Proença foi eleito presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), batendo o antigo líder do organismo Luís Duque por nove votos.

Pedro Proença recebeu 32 votos, contra 23 de Luís Duque, recebendo o apoio de 12 dos 18 clubes da I Liga, que tinham direito a dois votos, e oito dos emblemas da II Liga.

Em Luís Duque, que tinha sido eleito a 27 de outubro de 2014, votaram seis clubes do primeiro escalão e 11 do segundo.

Lusa

  • "Joguem à bola"
    1:35

    Desporto

    Cerca de uma centena de adeptos do Sporting esperaram até perto das 3:00 pela chegada da equipa ao estádio de Alvalade. Depois da eliminação da Taça de Portugal, em Chaves, foi necessário o reforço policial para garantir a segurança da comitiva leonina.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Putin sai em defesa de Trump
    2:29

    Mundo

    Vladimir Putin já saiu em defesa de Donald Trump e diz que houve uma tentativa de minar o Presidente eleito dos Estados Unidos, através de um alegado relatório, atribuido à espionagem russa. Putin diz que o relatório é falso.