sicnot

Perfil

Desporto

Selecionador mexicano demitido após agressão a jornalista

O selecionador mexicano de futebol, Miguel Herrera, foi hoje destituído do cargo, depois de na segunda-feira ter agredido um jornalista desportivo no aeroporto de Filadélfia, nos Estados Unidos.

© Carlos Garcia Rawlins / Reute

"Tomei esta decisão de destituir Miguel Herrera do comando técnico da seleção nacional. Não foi uma decisão fácil, mas mostra o que somos e, sobretudo, o que devemos ser", disse o presidente da Federação Mexicana de Futebol (FMF), Decio María.

Na segunda-feira, horas depois de ganhar a Gold Cup, o seu primeiro título pela seleção mexicana, em Filadélfia, nos Estados Unidos, Miguel Herrera agrediu a murro Christian Martinoli, jornalista da Televisión Azteca, com quem o selecionador cessante mantinha desentendimentos públicos.

Lusa

  • Negligência é a principal causa dos incêndios
    1:32

    País

    A Polícia Judiciária deteve mais dois suspeitos de fogo posto este fim de semana. Ao todo já foram detidas pelo menos 99 pessoas pelas autoridades desde o início do ano, a maioria suspeitas de agirem intencionalmente. Mas desde 1 de janeiro até meados deste mês, dos 8 mil incêndios investigados pela GNR, mais de 3.300 tiveram causa negligente. 

  • Concentração de motos em Góis
    2:28

    País

    Durante este fim de semana, decorre uma das concentrações de motards mais concorridas do país. A organização esperava cerca de 20 mil visitantes em Góis.