sicnot

Perfil

Desporto

Gaetan Bille defende amarela conquistada no prólogo da Volta a Portugal

O ciclista belga Gaetan Bille (Verandas Willems) vai partir hoje para a primeira etapa em linha da 77.ª Volta a Portugal com a missão de defender a camisola amarela que conquistou no prólogo.

Lusa

Um dia depois de Gaetan Bille ter vestido a primeira amarela em Viseu, os 137 ciclistas que compõem o pelotão desta edição têm pela frente 196,5 quilómetros entre Pinhel e Bragança, no regresso do nordeste transmontano à maior prova velocipédica nacional.

Pelo caminho, que vão começar a percorrer às 12:25 minutos, os corredores vão encontrar uma meta volante ainda em Pinhel, aos 17,5 quilómetros, antes de rumarem a Vila Nova de Foz Côa para a primeira montanha desta edição, uma contagem de terceira categoria (74,7), seguindo-se uma segunda categoria na Serra de Bornes (124,5).

Depois de passar duas metas volantes, a primeira em Macedo de Cavaleiros (141,3), a segunda em Bragança (181,9), o pelotão, provavelmente mais reduzido, passa uma primeira vez pela meta, antes da chegada, que está prevista para as 17:35.

O belga da Verandas Willems tem três segundos de vantagem sobre o segundo classificado, o campeão do ano passado, Gustavo Veloso (OFM-Quinta da Lixa), e nove sobre o seu colega e compatriota Dimitri Claeys.

Lusa

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.