sicnot

Perfil

Desporto

Presidente do Olympiacos ilibado de esquema de jogos combinados entre 2010 e 2011

O presidente do Olympiacos, Evangelos Marinakis, foi esta quinta-feira ilibado pela justiça grega de qualquer participação num alegado esquema de jogos combinados no principal campeonato de futebol da Grécia, entre 2010 e 2011.

O presidente do Olympiacos, Evangelos Marinakis. (Arquivo)

O presidente do Olympiacos, Evangelos Marinakis. (Arquivo)

Thanassis Stavrakis / AP

Por falta de provas, o tribunal de Atenas optou por não levar a julgamento o líder máximo do Olympiacos, clube que tem como treinador o português Marco Silva, num caso que envolve altos dirigentes do futebol helénicos.

A justiça local acusou oficialmente 85 pessoas de estarem envolvidas num alegado esquema de jogos combinados, num lista que inclui o presidente da Liga grega, Giorgos Borovilos, os presidentes do Levadiakos, Asteras Tripolis e o antigo internacional Avraam Papadopoulos.

Contudo, o presidente do Olympiacos continua impedido de participar em qualquer atividade relacionada com o futebol, por também envolvido em outro caso de jogos combinados, desta vez referentes a 2011, 2012 e 2013.

O proprietário do campeão grego e o clube com mais títulos conquistados no país tem que se apresentar numa esquadra de polícia de 15 em 15 dias até ao início do julgamento.

Marinakis, de 47 anos, é desde 2010 proprietário do Olympiacos, vencedor de 17 dos últimos 19 campeonatos na Grécia.

Na última época, o Olympiacos sagrou-se mais uma vez campeão grego sob a orientação do treinador português Vítor Pereira, que deixou o clube e assinou pelos turcos do Fenerbahçe.

Lusa

  • Oceanário de Lisboa dá formação sobre impacto da acumulação de plásticos nos oceanos
    2:37