sicnot

Perfil

Desporto

Leonardo Jardim elogia jogadores do Mónaco após vitória na 'Champions'

Leonardo Jardim elogia jogadores do Mónaco após vitória na 'Champions'

O Mónaco qualificou-se esta terça-feira para o play-off de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões. A equipa do português Leonardo Jardim derrotou os suíços do Young Boys, por 4-0, na 2ª mão da 3ª pré-eliminatória. Na primeira mão, já tinha ganho por 3-1. Ivan Cavaleiro marcou um dos golos e mostrou-se feliz por isso. Já o treinador Leonardo Jardim disse que os jogadores compreenderam bem as indicações e, por isso, mereceram a vitória.

  • Leonardo Jardim não garante que Bernardo Silva defronte Young Boys
    0:47

    Desporto

    Bernardo Silva regressou às opções de Leonardo Jardim no Mónaco. O jogador português tinha-se lesionado na final do Campeoanto da Europa de sub-21, no mês passado. O médio recuperou de uma rotura muscular e é a grande novidade da convocatória do Mónaco para o jogo com o Young Boys, da 2ª mão da 3ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões. Para o jogo desta terça-feira, e para além de Bernardo Silva, Leonardo Jardim convocou mais 19 jogadores, entre eles os portugueses Ricardo Carvalho, João Moutinho e Ivan Cavaleiro. Apesar da vantagem de 3-1 conseguida na 1ª mão, Leonardo Jardim não dá a eliminatória como conseguida. Na antevisão do jogo, o treinador português do Mónaco garantiu que, apesar de recuperado da lesão, ainda não sabe se Bernardo Silva vai jogar.

  • Reportagem Especial dá a voz aos despedidos da banca
    1:18
  • CEMGFA admite que várias armas roubadas estão em condições de ser usadas
    2:06

    Assalto em Tancos

    Afinal há várias armas roubadas em Tancos que estão em condições de ser utilizadas, sendo que apenas os lança-granadas-foguete estão obsoletos. Esta manhã, o general Pina Monteiro admitiu, no Parlamento, que a declaração que fez há duas semanas pode ter induzido em erro a opinião pública. O chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas (CEMGFA) diz, ainda, que se houvesse indícios sobre colaboração do Exército neste caso, os suspeitos estariam presos.

  • Pais de Charlie Gard querem que o bebé morra em casa

    Mundo

    Depois de terem renunciado à batalha judicial para manterem o filho com vida, os pais do bebé britânico Charlie Gard desejam agora levar a criança para morrer em casa. O desejo foi revelado pelo advogado de Chris Gard e Connie Yates, numa audiência esta tarde, no Supremo Tribunal de Londres. Contudo, o hospital responsável pelo caso admite que os cuidados a Charlie não podem ser feitos em casa.