sicnot

Perfil

Desporto

Tenistas Potito Starace e Daniele Bracciali irradiados por corrupção

Os tenistas italianos Potito Starace e Daniele Bracciali foram irradiados esta sexta-feira pela Federação italiana de ténis, acusados de corrupção e manipulação de resultados.

Daniele Bracciali e Potito Starace (Arquivo)

Daniele Bracciali e Potito Starace (Arquivo)

© Giampiero Sposito / Reuters

Starace, de 34 anos, foi também condenado a pagar 20 mil euros de coima, enquanto Bracciali, de 37 anos, em 40 mil euros.

Apesar da pena, o presidente da federação, Angelo Binagi, espera que os jogadores, que já tinham sido suspensos por 40 dias em fevereiro, consigam provar a sua inocência.

"Só podemos esperar que Bracciali e Starace consigam demonstrar que não cometeram aquilo de que são acusados pelo tribunal", disse.

As sanções resultam de uma investigação, conhecida por Calcioscommesse e que já baniu diversos jogadores e treinadores, originalmente criada para identificar casos de manipulação de resultados no futebol.

Lusa

  • Fogo em Setúbal dominado
    2:31

    País

    O incêndio que deflagrou na terça-feira em Setúbal está dominado. As chamas chegaram a ameaçar as casas, o que obrigou à retirada de cerca de 500 pessoas das habitações, como medida de precaução. Também o Hotel do Sado teve de ser evacuado.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.