sicnot

Perfil

Desporto

Madjer é o novo diretor técnico do Al-Ahly para o futsal e futebol de praia

O jogador português Madjer anunciou esta quinta-feira que vai ser o novo diretor técnico do Al-Ahly para o futsal e futebol de praia, acumulando os cargos com a prática desportiva no clube do Dubai.

O internacional português, de 38 anos, sagrou-se campeão mundial de futebol de praia em julho, em Espinho, numa competição em que arrecadou os prémios de melhor golo, frente à Suíça, a bota de prata, correspondente ao segundo melhor marcador, e também a bola de bronze, correspondente ao terceiro melhor jogador do torneio.

O internacional português, de 38 anos, sagrou-se campeão mundial de futebol de praia em julho, em Espinho, numa competição em que arrecadou os prémios de melhor golo, frente à Suíça, a bota de prata, correspondente ao segundo melhor marcador, e também a bola de bronze, correspondente ao terceiro melhor jogador do torneio.

ESTELA SILVA / Lusa

"A partir de hoje acumulo funções no Al-Ahly Club Dubai. Vou ser diretor técnico para o futebol de praia e futsal, além de me manter em atividade como jogador", afirmou o atleta na sua página oficial de Facebook.

O internacional português, de 38 anos, sagrou-se campeão mundial de futebol de praia em julho, em Espinho, numa competição em que arrecadou os prémios de melhor golo, frente à Suíça, a bota de prata, correspondente ao segundo melhor marcador, e também a bola de bronze, correspondente ao terceiro melhor jogador do torneio.

Madjer, de 38 anos, que já passou por clubes em Portugal, Itália, Brasil, Rússia e Turquia, regressa assim ao Al-Alhy, que representou durante três temporadas, entre 2011 e 2013, na altura apenas como atleta.

Lusa

  • Economia portuguesa a crescer
    2:26
  • Viver em Évora
    5:11
  • Ano letivo "de uma maneira geral começou bem"

    País

    O Presidente da República considerou esta sexta-feira que o ano letivo "de uma maneira geral começou bem" e defendeu a possibilidade serem feitas "correções" a situações "injustas ou discutíveis" entre os concursos que se realizam de quatro em quatro anos.