sicnot

Perfil

Desporto

Presidente do Villarreal diz que Soldado está perto de assinar

O presidente do Villarreal, Fernando Roig, confirmou esta sexta-feira o interesse no avançado espanhol Roberto Soldado, afirmando que faltam apenas "pequenos detalhes" para que o clube da primeira divisão espanhola anuncie oficialmente a contratação do jogador.

Caso se confirme o negócio com os ingleses do Tottenham, o avançado espanhol, que chegou a ser apontado ao Benfica, regressa à La Liga apenas duas épocas após ter deixado o Valencia. (Arquivo)

Caso se confirme o negócio com os ingleses do Tottenham, o avançado espanhol, que chegou a ser apontado ao Benfica, regressa à La Liga apenas duas épocas após ter deixado o Valencia. (Arquivo)

© Dylan Martinez / Reuters

Apesar de não adiantar pormenores relacionados com o negócio, Roig esclareceu que o clube fará um "esforço económico importante para contratar Soldado", embora não vá exceder o limite salarial do 'submarino amarelo'.

Caso se confirme o negócio com os ingleses do Tottenham, o avançado espanhol, que chegou a ser apontado ao Benfica, regressa à La Liga apenas duas épocas após ter deixado o Valencia.

Formando no Real Madrid, Soldado chegou ao Tottenham na temporada 2013/2014, onde apontou 11 golos em 36 jogos na primeira temporada.

Na segunda época ao serviço dos 'spurs', Soldado marcou apenas cinco golos em 40 jogos utilizados.

Lusa

  • Braga perde com Shakhtar e fica fora dos 16 avos de final da Liga Europa
    3:16
  • "Quem não deve não teme"

    Football Leaks

    O futebolista português Cristiano Ronaldo, questionado sobre a sua alegada fuga ao fisco veiculada pela investigação "Football Leaks", disse que "quem não deve não teme", numa reação difundida esta quinta-feira pela rádio espanhola Onda Cero.

  • Cerca de 150 civis doentes retirados de Alepo

    Mundo

    Cerca de 150 civis, a maioria doentes ou deficientes, foram retirados na noite de quarta-feira para quinta-feira de um centro de saúde de Aleppo, na parte mais antiga da cidade tomada pelo exército sírio, anunciou a Cruz Vermelha internacional.

  • Dissolução da União Soviética aconteceu há 25 anos

    Mundo

    Assinalam-se esta quinta-feira 25 anos desde o fim do acordo que sustentava a União Soviética. A crise começou em 80, mas aprofundou-se nos anos 90 com a ascensão de movimentos nacionalistas em praticamente todas as repúblicas soviéticas.