sicnot

Perfil

Desporto

Wenger defende médica do Chelsea criticada por Mourinho

O treinador de futebol do Arsenal, Arsène Wenger, considerou esta sexta-feira que a médica do Chelsea, criticada por José Mourinho por ter entrado em campo para assistir um jogador, cumpriu as regras deontológicas.

Em causa estão as críticas de José Mourinho à médica Eva Carneiro, por esta ter entrado em campo durante o jogo com o Swansea, disputado no sábado, para assistir Hazard já em tempo de descontos e com o jogo empatado a dois golos. (Arquivo)

Em causa estão as críticas de José Mourinho à médica Eva Carneiro, por esta ter entrado em campo durante o jogo com o Swansea, disputado no sábado, para assistir Hazard já em tempo de descontos e com o jogo empatado a dois golos. (Arquivo)

Frank Augstein / AP

"Temos de defender a posição da médica. As regras são claras, se o árbitro pede à equipa médica que entre em campo, ela tem entrar", afirmou Wenger, que desde há muito mantém uma relação conflituosa com Mourinho, à Sky Sports.

Em causa estão as críticas de José Mourinho à médica Eva Carneiro, por esta ter entrado em campo durante o jogo com o Swansea, disputado no sábado, para assistir Hazard já em tempo de descontos e com o jogo empatado a dois golos.

O jogador belga acabou por sair de campo para ser assistido, deixando o Chelsea reduzido a nove jogadores, pois tudo aconteceu numa altura em que o guarda-redes Thibaut Courtois já tinha sido expulso.

De acordo com a imprensa britânica, José Mourinho, que no final do encontro afirmou que Hazard não tinha qualquer problema sério e estava apenas cansado, terá decidido afastar a médica dos treinos e dos jogos da equipa.

Apesar de reconhecer que o assunto "é um problema interno do Chelsea", equipa com à qual admitiu não dar muita atenção, Arsène Wenger considerou que o episódio pode demonstrar falta de união.

"Há problemas se o clube não estiver unido. A confiança e a união fazem a força", afirmou.

No final do encontro, Mourinho disse ter ficado "descontente" com a sua equipa médica e acusou os seus elementos de terem sido "impulsivos e ingénuos" ao entrarem em campo.

A atitude de Mourinho, que segundo a imprensa terá desagradado ao proprietário do clube, Roman Abramovich, já mereceu críticas da associação de médicos da primeira liga.

Entretanto, Eva Carneiro, que está no clube desde 2009, agradeceu nas redes sociais as mensagens de apoio que tem recebido.

Lusa

  • Bruno de Carvalho manda SMS aos jogadores em nome dos jogadores. Confuso?

    Desporto

    De acordo com a imprensa desta manhã, o presidente do Sporting Clube de Portugal terá enviado mensagens escritas aos jogadores com o seguinte texto "Obrigado presidente pelas felicitações. Ainda temos muito para conquistar juntos" e assinou com o nome do jogador a quem enviou a mensagem. Uma aparente reação ao facto de nenhum dos jogadores ter respondido às mensagens escritas por Bruno de Carvalho, com incentivos e elogios antes e depois da vitória do Sporting frente ao Boavista.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • O 10 de julho de 1941 na escrita de João Pinto Coelho
    15:09
  • Governo promete melhorar condições de 26 mil famílias
    1:23

    País

    O ministro do Ambiente explicou esta terça-feira, no Parlamento, as novas medidas para a habitação: reduzir os impostos para arrendamentos longos, melhorar as condições de 26 mil famílias e introduzir o arrendamento vitalício para maiores de 65 anos. Este é um investimento que vai chegar aos 1700 milhões de euros.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31
  • Peixe-galo e batatas rosti, qual o cardápio do encontro entre os líderes das Coreias?

    Mundo

    O menu do encontro entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, já foi dado a conhecer esta terça-feira. Através do site oficial do Governo, Seul anunciou um cardápio com vários pratos típicos da Península da Coreia, como dumplings ao vapor, arroz cultivado na Coreia, carne grelhada, salada fria com polvo, peixe-galo, batatas rosti e sopa fria.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17