sicnot

Perfil

Desporto

Belenenses procura presença histórica na Liga Europa

O Belenenses procura hoje, diante do Altach, assegurar uma inédita presença na fase grupos da Liga Europa de futebol, partindo para a segunda mão do play-off com uma vantagem tangencial sobre a formação austríaca.

JOHANN GRODER

Depois de terem eliminado os suecos do IFK Gotemburgo, na terceira pré-eliminatória, os azuis tentam agora juntar-se ao Sporting e ao Sp. Braga na fase de grupos, beneficiando do triunfo obtido há uma semana na Áustria (1-0), na primeira mão, graças ao golo de Tiago Caeiro.

A formação do Restelo, que vem de um empate no terreno do Vitória de Guimarães (1-1), no domingo, na segunda jornada da I Liga, vai disputar o sexto jogo oficial da temporada, não tendo registado ainda qualquer derrota.

O médio Carlos Martins, que tem sido um dos destaques do emblema de Belém, mantém-se em dúvida para defrontar o 'carrasco' do Vitória de Guimarães, após ter falhado os dois últimos jogos, o primeiro dos quais precisamente na Áustria.

Em caso de sucesso diante do Altach, o Belenenses, que esteve oito anos afastado das competições europeias, assegura uma inédita presença na fase de grupos da Liga Europa, que lhe irá render, para já, 2,4 milhões de euros.

O encontro está agendado para as 21:30 (hora de Lisboa) e terá arbitragem do inglês Anthony Taylor.

Com Lusa

  • Manuel Delgado demitiu-se devido a "grave violação da privacidade"

    País

    O ex-secretário de Estado da Saúde diz que apresentou a demissão para "não perturbar nem criar qualquer tipo de embaraço ao normal funcionamento do Governo". Num comunicado, Manuel Delgado esclarece que foi remunerado pelo trabalho de consultor na Raríssimas "muito antes" da entrada no Governo e acrescenta que respeitou na íntegra todo o quadro legal e ético.

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Uma "Árvore da Esperança" pelas vítimas dos fogos
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28