sicnot

Perfil

Desporto

Carlos Luz afasta campeão olímpico mas acaba eliminado dos Mundiais de judo

Diogo Lima e Carlos Luz (-81 kg) foram hoje afastados ao terceiro combate nos Mundiais de judo e Ana Cachola (-63 kg) caiu ao segundo duelo, na competição que decorre em Astana, no Cazaquistão.

Carlos Luz eliminou Jae-Bum Kim

Carlos Luz eliminou Jae-Bum Kim

MAXIM SHIPENKOV/EPA

Carlos Luz, 32.º da classificação mundial e que luta por uma vaga nos Jogos Olímpicos do Rio2016, causou surpresa ao afastar no seu segundo combate o campeão olímpico em título, o sul-coreano Jae-Bum Kim.

O judoca começou muito bem, batendo na estreia o bielorrusso Aliaksandr Stsiashenka, 23.º do mundo, para encontrar logo de seguida o sul-coreano -- campeão olímpico e asiático em título e duas vezes campeão mundial (2010 e 2011), a quem venceu por 'ippon'.

Seria um adversário menos provável a afastar o português, no caso o moldavo Valeriu Duminice (53.º do mundo), que venceu por decisão dos juízes.

Quanto a Diogo Lima (52.º), começou por derrotar o uruguaio Alain Aprahamian (82.º) e o australiano Eoin Coughlan (33.º), mas acabou por perder com o judoca alemão Sven Maresch (8.º), por castigos.

Em femininos, nos -63 kg, esteve em competição Ana Cachola, que começou por vencer a 'desconhecida' norte-coreana (sem 'ranking') Song Hwa Kim, por castigos, e perdeu a seguir com a israelita Gerbi Yarden.

Yarden, terceira do mundo, foi vice-campeã mundial em 2014 e campeã do mundo em 2013.

Na sexta-feira, Portugal termina a sua participação nos Mundiais de Astana, com Yahima Ramírez a competir nos -78 kg e Célio Dias nos -90 kg.

Lusa

  • Marco Silva vai treinar o Watford

    Desporto

    O treinador português Marco Silva assinou contrato com o Watford, da Liga Inglesa. O emblema que terminou a última Premier League na 17ª posição, a última antes dos lugares de descida, ganhou assim a corrida ao Crystal Palace e ao FC Porto, que também tentaram contratar o técnico.

  • "A maior conquista foi construir estabilidade"
    2:14

    Economia

    António Costa voltou esta sexta-feira a garantir que a partir de junho nenhum subsídio de desemprego será inferior a 421 euros por mês. O primeiro-ministro falava nas jornadas parlamentares do PS, onde afirmou que a estabilidade é a maior conquista deste Governo.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11
  • Uma foto para a história

    Mundo

    As mulheres dos líderes mundiais que se reúnem nas cimeiras da NATO posam para a fotografia oficial das primeiras-damas. A deste ano é histórica. Pela primeira vez, há um marido de um primeiro-ministro entre as nove mulheres. Trata-se de Gauthier Destenay, casado com o líder do Luxemburgo.