sicnot

Perfil

Desporto

Bruno Alves limitado no primeiro treino de Portugal

A seleção portuguesa de futebol começou esta segunda-feira a preparar a dupla jornada com França e Albânia, numa sessão de treino com muitas poupanças e em que o defesa Bruno Alves foi o único jogador que apresentou algumas limitações.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

No Estádio António Coimbra da Mota, no Estoril, o central do Fenerbahce trabalhou sempre à parte dos restantes selecionados de Fernando Santos, tendo realizado corrida e alguns exercícios com bola durante a meia hora que esteve no relvado.

Num treino que, ao contrário do que estava inicialmente agendado, foi totalmente aberto e teve cerca 500 adeptos a assistir, Fernando Santos efetuou uma breve palestra no início da sessão e, depois, dividiu o grupo, poupando os jogadores que no domingo atuaram pelas suas respetivas equipas, mais Cristiano Ronaldo.

Após habituais exercícios de aquecimento, o avançado do Real Madrid, Ricardo Carvalho, Adrien, Cedric, Bernardo Silva, Nani, João Mário e José Fonte fizeram corrida e alguns alongamentos, durante cerca de 40 minutos, regressando depois aos balneários.

Os restantes convocados trabalharam as transições ofensivas e terminaram o apronto, que durou pouco mais de uma hora, com a habitual 'peladinha', com destaque para a 'veia' goleadora de Éder e para um tento de belo efeito de Eliseu.

Na terça-feira, Portugal volta a treinar, e novamente no Estádio António Coimbra da Mota, desta vez às 10:30, com os primeiros 15 minutos abertos à comunicação social. Antes, dois jogadores vão marcar presença numa roda de imprensa.

Portugal defronta a França, na sexta-feira, no Estádio José Alvalade, num encontro particular, e, três dias depois, encontra a Albânia, em Elbasan, em jogo do Grupo I de qualificação para o Europeu de 2016.

A equipa das 'quinas' lidera o agrupamento, com 12 pontos, mais dois que a Dinamarca, que é segunda classificada, em igualdade pontual com a Albânia, terceira, mas com menos um jogo disputado.

Lusa

  • "Não partilhei SMS com ninguém"
    0:43

    Caso CGD

    António Domingues afirma que nunca revelou o conteúdo das mensagens trocadas com o ministro das Finanças sobre a entrega das declarações de património ao Tribunal Constitucional. O tema dos SMS foi abordado pelo ex-presidente da Caixa na sequência de uma pergunta do PCP sobre declarações feitas por António lobo Xavier no programa da SIC Notícias "Quadratura do Círculo".

  • "As regras europeias de bem estar animal são dogmas", diz diretor-geral de Veterinária
    1:32

    País

    O diretor-geral de Alimentação e Veterinária considera que as regras de bem estar animal que existem na União Europeia (UE) "parecem configurar uma transfiguração antropomórfica dos animais". Em declarações à SIC, a propósito da exportação de animais vivos para países terceiros, que têm outras regras de abate, Fernando Bernardo defendeu ainda que o método usado em Israel provoca uma insensibilização mais rápida do que o praticada na UE.

  • PAN questiona Governo sobre aposta na exportação de animais vivos para o Médio Oriente
    1:56

    País

    O partido Pessoas-Animais-Natureza lembra que à luz do Regulamento nº. 1/2005 do Conselho Europeu, os estados-membros da União Europeia (UE) devem evitar transportar animais vivos em viagens de longo curso. O deputado André Silva considera, por isso, que "o Estado português está a incumprir o regulamento" ao fomentar estas viagens, numa clara aposta económica em torno da exportação de animais vivos para Israel e outros destinos fora da UE. Para o deputado do PAN, é muito difícil ou "mesmo impossível assegurar o bem estar dos animais" em viagens de vários dias.

  • Trump pensou que presidência "seria mais fácil"

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos Donald Trump afirmou que a Presidência é mais difícil do que pensava e que tem saudades da vida que levava antes, em entrevistas a propósito dos primeiros 100 dias em funções.