sicnot

Perfil

Desporto

José Ángel fora da lista do FC Porto para a Liga dos Campeões

O futebolista do FC Porto José Ángel está fora dos 23 selecionados do treinador Julen Lopetegui para disputar a Liga dos Campeões em futebol, cujas novidades são os dois reforços mexicanos Jesus Corona e Miguel Layún.

© Reuters Staff / Reuters

Segundo o site da UEFA, o lateral francês Cissokho, depois de uma estreia na liga portuguesa menos positiva, está entre os eleitos do técnico espanhol portista, que optou por deixar de fora o também lateral-esquerdo José Ángel.

Para o lugar do espanhol, Lopetegui decidiu apostar no recém-chegado mexicano Miguel Layún, que, a par do compatriota Jesus Corona, foi confirmado como reforço dos 'dragões' no último dia de mercado.

Sem surpresas, Casillas e Helton ocupam as duas vagas dos guarda-redes, sendo que os 'b's' Raúl Gudiño e Lichnovsky espreitam uma possível chamada 'via' lista B, referente aos jogadores da formação, para assim completarem o lote máximo de 25 jogadores a inscrever por equipa para cada jogo.

Lista de inscritos:

- Guarda-redes: Casillas e Helton.

- Defesas: Maxi Pereira, Miguel Layún, Maicon, Marcano, Martins Indi e Cissokho.

- Médios: Danilo Pereira, Rúben Neves, Sérgio Oliveira, Herrera, André André, Evandro e Imbula.

- Avançados: Varela, Jesús Corona, Aboubakar, Pablo Osvaldo, Alberto Bueno, André Silva, Brahimi e Tello.

Lusa

  • Resgatada mais uma criança com vida após sismo em Itália
    0:30
  • Ilibados trabalhadores castigados por consulta de dados fiscais

    País

    Os funcionários da Autoridade Tributária, que tinham sido castigados por terem consultado dados fiscais, foram absolvidos. O jornal Público avançou hoje que as orientações contra as sanções a aplicar aos funcionários partiram do ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Rocha Andrade.

  • Brasileiros procuram Portugal
    3:59

    País

    Viver em Portugal é hoje em dia um grande sonho da classe média brasileira. De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros, só em 2016, o número de vistos de residência aumentarem em mais de 30%. A língua, a segurança e a qualidade de vida são as razões apontadas para a mudança. Todos os dias, no consulado português no Rio de Janeiro, para a obtenção de vistos.

  • Repórteres fazem relato impressionante dos acontecimentos em Charlottesville
    3:40