sicnot

Perfil

Desporto

Martial diz que a familia tem 'medo' dos valores envolvidos na sua transferência

O futebolista francês Anthony Martial disse esta quarta-feira que a sua família "tem um pouco de medo" do montante envolvido na sua transferência para o Manchester United, num negócio estimado em 80 milhões de euros.

Martial, de 19 anos, que foi confirmado na terça-feira como reforço dos 'red devils', proveniente do Mónaco, disse que vai permanecer "concentrado", apesar do valor da sua transferência. (Arquivo)

Martial, de 19 anos, que foi confirmado na terça-feira como reforço dos 'red devils', proveniente do Mónaco, disse que vai permanecer "concentrado", apesar do valor da sua transferência. (Arquivo)

© Eric Gaillard / Reuters

"A minha família está muito contente pela transferência para o Manchester United, embora tenha algum receio dos valores envolvidos na mesma", afirmou o avançado gaulês, na sua primeira conferência de imprensa ao serviço da seleção francesa.

Martial, de 19 anos, que foi confirmado na terça-feira como reforço dos 'red devils', proveniente do Mónaco, disse ainda que vai permanecer "concentrado", apesar do valor da sua transferência.

"Não sei se valho esse montante, pois é um pouco 'louco' para um jogador da minha idade. No entanto, isto é o 'mercado' do futebol e tento abstrair-me, mantendo-me concentrado na minha 'bolha'", acrescentou o jovem jogador.

O avançado foi convocado pela primeira vez pelo selecionador gaulês Didier Deschamps e pode estrear-se como internacional frente a Portugal, no jogo particular de sexta-feira, em Lisboa.

"Foi difícil gerir as emoções de ser convocado para a seleção francesa e da transferência para o Manchester United. No entanto, é um verdadeiro sonho estar aqui na seleção de França", disse ainda o avançado, que foi orientado na temporada passada pelo português Leonardo Jardim.

Lusa

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19

    Mundo

    O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos recebeu ao início da tarde na Noruega o prémio pelo trabalho que desenvolveu junto das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, FARC. As cerimónias são este sábado e marcadas pela ausência do Nobel da Literatura, Bob Dylan.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.