sicnot

Perfil

Desporto

Islândia junta-se a França, Inglaterra e Republica Checa no Euro 2016

A Islândia garantiu este domingo, pela primeira vez na história, o apuramento para um campeonato da Europa em futebol, depois de no jogo da oitava jornada do Grupo A empatar (0-0) frente ao Cazaquistão.

STRINGER

Horas depois da República Checa selar a qualificação para um sexto europeu seguido (desde 1996), ao vencer por 2-1 na Letónia, a Islândia garantiu também o apuramento direto, 'via' Grupo A, para o Europeu de França.

Com o ponto conquistado, a surpreendente equipa nórdica soma 19 pontos e lidera o grupo, em igualdade pontual com a República Checa. Com dois jogos por disputar, no agrupamento fica apenas por decidir a vaga do 'play-off', com a Turquia, que hoje venceu a Holanda por 3-0, agora com dois pontos de vantagem sobre a dececionante seleção 'laranja'.

No Grupo B, o Pais de Gales, que se qualificaria caso triunfasse, não foi além de um empate a zero na receção a Israel, resultado que, mesmo com a vitória da Bélgica no Chipre, por 1-0, deixa os galeses na liderança, agora com um ponto de vantagem sobre os belgas (18 contra 17).

Os belgas também suaram para vencer, o que conseguiram graças a um golo de Eden Hazard, já aos 86 minutos.

Com o ponto somado, Israel manteve o terceiro posto, com 13 pontos, agora mais dois do que a Bósnia-Herzegoviana (11), que bateu em casa Andorra por 3-0, com três tentos na primeira parte, e ultrapassou os cipriotas (nove).

Quanto ao Grupo H, a Noruega (16 pontos) ascendeu ao segundo posto, ao bater a Croácia (15), que ultrapassou, por 2-0, com tentos de Jo Inge Berget (51 minutos) e Vedran Corluka (69, na própria baliza).

Na liderança, agora isolada, segue a Itália (18 pontos), que somou mais um triunfo por 1-0, a sua 'especialidade', desta vez na receção à Bulgária, derrotada por um penálti madrugador (seis minutos) de Daniele De Rossi, que seria expulso aos 55, tal como o búlgaro Ilian Mitsanski.

Lusa

  • "É preciso despartidarizar o sistema de Proteção Civil", diz Duarte Caldeira
    2:47
  • Homem morreu ao tentar salvar animais das chamas
    2:30
  • Arcebispo de Braga pede responsabilidades pelos incêndios
    1:40

    País

    Braga também sofreu um dos mais violentos incêndios dos últimos anos. O fogo descontrolado atravessou várias freguesias e destruiu duas empresas. A igreja, pela voz do arcebispo de Braga, pede ação e o apuramento de responsabilidades, face a esta calamidade.

  • "Estou a ficar sem água, vai ser um trabalho inglório"
    1:06