sicnot

Perfil

Desporto

Piloto envolvido em acidente na Corunha "destroçado" e "perturbado"

O piloto do automóvel que se despistou sábado no Rali da Corunha, matando seis pessoas e ferindo outras 16, está "destroçado" e "perturbado", disse o presidente da autarquia de Carral, onde o acidente teve lugar.

CABALAR

De acordo com José Luiz Fernández, o piloto do Peugeot 206 - identificado como Sergio T. -, "apenas se apercebeu do sucedido quando saiu do carro".

Hoje, foram realizadas em Carral e na localidade vizinha de Cambre homenagens às seis vítimas mortais do acidente.

Na Corunha, foram decretados três dias de luto oficial em memória das vítimas.

Na sua conta oficial do Twitter, o presidente do Governo espanhol, Mariano Rajoy, já tinha expressado as suas condolências. "Os meus sentidos pêsames pelos falecidos e desejos de pronta e completa recuperação dos feridos", escreveu Rajoy.

Dos 16 feridos transferidos para o Hospital Universitário da Corunha, cinco já tiveram alta, mas seis permanecem ainda internados, um dos quais em estado considerado muito grave.

Lusa

  • PSD está a "perder terreno" na escolha de candidato a Lisboa
    1:46

    País

    Quem o diz é Luís Marques Mendes: o PSD perde na demora da escolha de um candidato para a Câmara de Lisboa. O líder Passos Coelho rejeita apoiar a candidatura de Assunção Cristas e garante que o partido vai ter um candidato próprio. Segundo o comentador da SIC, o último convite foi dirigido a José Eduardo Moniz.

  • Trump não escreve todos os tweets, mas dita-os

    Mundo

    O Presidente eleito dos EUA não escreve todos os tweets que são publicados na sua conta desta rede social, mas dita-os aos seus funcionários. Numa entrevista a um ex-secretário de Estado britânico, Donald Trump explica como usa a sua conta e garante que depois de ser investido Presidente, vai continuar a usar o Twitter para defender-se da "imprensa desonesta".

  • Depressão pode ser mais prejudicial para o coração do que a hipertensão

    Mundo

    Um estudo recente estabelece uma nova ligação entre depressão e distúrbios cardíacos. De acordo com a investigação publicada na revista Atheroscleroses, o risco de vir a sofrer de uma doença cardíaca grave é quase tão elevado para os homens que sofram de depressão, do que para os que tenham colesterol elevado ou obesidade, e pode mesmo ser maior do que para os que sofram de hipertensão.