sicnot

Perfil

Desporto

Árbitros que entregaram teste em branco repetem exame quinta-feira no Luso

Os árbitros que no sábado entregaram em branco o teste de avaliação de desempenho vão repetir o exame na quinta-feira, no Luso, disse à agência Lusa fonte do conselho de arbitragem da federação portuguesa de futebol.

Bruno Paixão volta a dirigir um jogo do Sporting na I Liga de Futebol

Bruno Paixão volta a dirigir um jogo do Sporting na I Liga de Futebol

REUTERS

"Os árbitros e árbitros assistentes C1 que sábado entregaram os testes em branco foram convocados para realizar um teste de repetição na quinta-feira, às 18:30, no Luso, no qual terão de ter classificação minima de 50 por cento para estarem aptos a atuar", referiu a fonte.

Os árbitros que não compareceram no sábado em Tomar por estarem impedidos realizam teste no dia 24 de setembro, como estava previsto: os testes físicos serão realizados todos no dia 24.

Em causa está o facto de os árbitros da primeira categoria se terem recusado a realizar exames escritos e físicos previstos para sábado, em Tomar, protestando contra o peso destes parâmetros na avaliação final, nomeadamente de cinco por cento, e desejando a alteração do que foi estipulado e aprovado por unanimidade pelo conselho de arbitragem.

Os árbitros resolveram, unilateralmente, escrever apenas o nome no teste escrito, o que levou a secção de classificações a efetuar a respetiva pauta com os resultados.

Quanto ao teste físico, os referidos filiados ameaçaram chumbar propositadamente, o que levou a secção de classificações a anulá-lo.

Na terça-feira à noite reuniram-se os presidentes do conselho de arbitragem e APAF, bem como outros representantes dos árbitros e árbitros assistentes C1 com objetivo de desbloquear situação: "não houve decisões, mas as conversas prosseguem."

Lusa

  • Sporting vai contestar na UEFA cinco lances dos dois jogos contra o CSKA
    1:50

    Desporto

    Na exposição que vai apresentar nos próximos dias sobre a eliminação da Liga dos Campeões, frente ao CSKA de Moscovo, o Sporting vai contestar cinco lances dos dois jogos do play-off e argumentar como inevitável a introdução do vídeo-árbitro para defender os valores da UEFA. No programa Tempo Extra, da SIC Notícias, Rui Santos adianta que os 'leões' vão pedir os dados sobre a monitorização das apostas durante o jogo contra o CSKA.