sicnot

Perfil

Desporto

Presidente da Liga espanhola condena vaias aos jogadores

O presidente da Liga espanhola de futebol profissional (LFP), Javier Tebas, demonstrou hoje o seu desagrado com os adeptos que vaiaram o defesa do FC Barcelona Piqué.

© Susana Vera / Reuters

Tebas afirmou que é contra os adeptos vaiarem qualquer "jogador da seleção espanhola, muito menos quando estão a jogar a fase de qualificação para o Euro2016".

"Eu gostaria de mandar em muitos sítios, contudo não mando na UEFA", comentou o presidente da LFP em relação à possibilidade de tomar qualquer tipo de medida por causa deste assunto.

O dirigente acrescentou que é em Espanha que estão "os melhores clubes e os melhores jogadores", assim como "os melhores dirigentes do mundo" que conseguem com que "os objetivos económicos e desportivos sejam cumpridos".

O incidente com Piqué, no jogo da seleção espanhola frente à Eslováquia, já levou a mudança do 'palco' do jogo particular de 'la roja' frente à Inglaterra, do Estádio Santiago Bernabéu, em Madrid, para o Estádio José Rico Pérez, em Alicante.

Lusa

  • Médicos e ministro da Saúde voltam hoje às negociações

    País

    O Ministério da Saúde deverá apresentar uma proposta que poderá ser decisiva para a convocação ou não de uma nova greve. O Sindicato Independente dos Médicos e a Federação Nacional de Médicos tinham anunciado, no dia 11 de agosto, que vão realizar uma greve de dois dias na primeira semana de outubro, se a nova proposta negocial não levar em conta o que reivindicam.

  • PJ de Portimão deteve italiano foragido
    0:55

    País

    A Polícia Judiciária de Portimão deteve em Lagos um homem italiano que aguardava extradição. O antigo piloto de automóveis esteve foragido durante quase um ano, depois de ter cortado a pulseira eletrónica.