sicnot

Perfil

Desporto

Presidente da Liga espanhola condena vaias aos jogadores

O presidente da Liga espanhola de futebol profissional (LFP), Javier Tebas, demonstrou hoje o seu desagrado com os adeptos que vaiaram o defesa do FC Barcelona Piqué.

© Susana Vera / Reuters

Tebas afirmou que é contra os adeptos vaiarem qualquer "jogador da seleção espanhola, muito menos quando estão a jogar a fase de qualificação para o Euro2016".

"Eu gostaria de mandar em muitos sítios, contudo não mando na UEFA", comentou o presidente da LFP em relação à possibilidade de tomar qualquer tipo de medida por causa deste assunto.

O dirigente acrescentou que é em Espanha que estão "os melhores clubes e os melhores jogadores", assim como "os melhores dirigentes do mundo" que conseguem com que "os objetivos económicos e desportivos sejam cumpridos".

O incidente com Piqué, no jogo da seleção espanhola frente à Eslováquia, já levou a mudança do 'palco' do jogo particular de 'la roja' frente à Inglaterra, do Estádio Santiago Bernabéu, em Madrid, para o Estádio José Rico Pérez, em Alicante.

Lusa

  • Todos os distritos sob Aviso Amarelo devido ao frio

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera colocou Portugal continental sob Aviso Amarelo na quarta e na quinta-feira. Os termómetros vão estar abaixo de zero em todo o território, à exceção dos distritos de Lisboa, Porto e Faro.

  • Motim em prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos
    1:09

    Mundo

    Um novo motim numa prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos. A prisão, que é a maior do Estado do Rio Grande do Norte, tem capacidade para 600 reclusos mas acolhe quase o dobro. Após o motim de 14 horas, a polícia já tem o controlo total da prisão.

  • Aqui também se vive
    16:07
  • Austrália condena Japão por caça de baleias no Oceano Antártico

    Mundo

    O Governo da Austrália condenou hoje o Japão por retomar a caça de baleias no Oceano Antártico, após a divulgação de imagens de um cetáceo morto a bordo de um barco japonês que se encontrava em águas protegidas.O ministro do Ambiente, Josh Frydenberg, manifestou "profunda deceção", um dia depois de a organização Sea Shepherd divulgar fotografias e vídeos de uma baleia minke no barco japonês Nisshin Maru.