sicnot

Perfil

Desporto

Antigo presidente do Marselha acusado de corrupção pela justiça francesa

O antigo presidente do Marselha Jean-Claude Dassier é acusado de corrupção e associado a "transferências ilícitas" na gestão clube de futebol, revelou hoje a justiça francesa.

© Jean-Paul Pelissier / Reuters

Segundo o diário L'Equipe, que cita fontes judiciais, Dassier é acusado de falsificação de documentos, conspiração criminosa e gestão danosa, sendo também suspeito de ter recebido cerca de 55 milhões de euros em comissões nas transferências de 14 jogadores.

Presidente do Marselha de 2009 a 2011, Jean-Claude Dassier, segundo apurou a justiça francesa, recebeu dinheiro ilícito em várias transferências de jogadores, estando o nome de Lucho González, contratado no primeiro ano de presidência de Dassier ao FC Porto, por 18 milhões de euros.

Nessa lista, de 14 jogadores, figuram ainda nomes como Morientes, Azpilicueta, Heize, Remy, Gignac ou Ben Arfa.

O inquérito judicial, aberto pela justiça parisiense, levou, inclusive, à detenção do atual presidente do Marselha, Vincent Labrune, e do seu antecessor Pape Diouf, que acabaram por ser libertados sem acusação.

Lusa

  • Bataglia deixou passar 12 milhões pela sua conta a pedido de Salgado
    2:05

    Operação Marquês

    O presidente da Escom e arguido na Operação Marquês Helder Bataglia terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates. O amigo de Sócrates e Bataglia terão combinado várias formas de não levantar suspeitas. A notícia é avançada pelo jornal Expresso na edição deste sábado.

  • Dirigente derrotado da Gâmbia concorda em ceder poder

    Mundo

    O ex-presidente e candidato derrotado das eleições na Gâmbia, Yahya Jammeh, concordou em ceder o poder ao novo Presidente do país, empossado na quinta-feira, indicou esta sexta-feira um responsável governamental senegalês.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.