sicnot

Perfil

Desporto

FC Porto e Benfica lutam pela liderança no primeiro grande 'clássico' da Liga

FC Porto e Benfica protagonizam domingo no Dragão o primeiro grande 'clássico' da época, em jogo da quinta jornada da I Liga de futebol suscetível de alterar a classificação do trio da frente, já entregue aos 'clientes' habituais.

© Rafael Marchante / Arquivo Reuters


Os 'dragões' lideram com 10 pontos, em igualdade com o Sporting, que recebe o Nacional na segunda-feira, enquanto os bicampeões nacionais seguem a apenas um ponto dos rivais.

Os antagonistas vêm de uma jornada na Liga dos Campeões, mais positiva para o Benfica, que venceu em casa o estreante Astana, por 2-0, enquanto o FC Porto jogou no terreno do Dínamo de Kiev e consentiu o empate 2-2 ao minuto 89.

Enquanto Rui Vitória enfrenta o seu primeiro grande teste como técnico do Benfica no campeonato, depois da derrota na Supertaça com o Sporting (1-0), Julen Lopetegui procura o seu primeiro triunfo sobre os 'encarnados', depois de uma derrota no Dragão (2-0) e um empate na Luz (0-0) na época passada.

Em confronto vão estar o ataque mais concretizador da prova, o do Benfica, com 13 golos marcados, após a goleada de 6-0 imposta ao Belenenses, e uma das três defesas menos batidas, a do FC Porto, que sofreu apenas dois golos, tal como Paços de Ferreira e União da Madeira.

Os portuenses venceram os dois jogos em casa, enquanto os lisboetas só foram visitantes uma vez, na qual sofreram uma derrota, em Aveiro, frente ao Arouca, na segunda jornada.

O Sporting, que hoje recebe o Lokomotiv de Moscovo na Liga Europa, volta a Alvalade para o campeonato depois da vitória difícil no terreno do Rio Ave (2-1), recebendo na segunda-feira um Nacional que não pontuou nos dois jogos fora, em Braga e Tondela, mas que segue em oitavo, com seis pontos, mercê do percurso imaculado em casa.

Também na zona europeia, o Paços de Ferreira, que ocupa o quarto lugar, com oito pontos, depois de já ter imposto um empate ao Sporting, será colocado à prova em casa, no sábado, precisamente pelo Rio Ave (11.º), que pontuou no Restelo e em Setúbal.

Com menos um ponto, o surpreendente Arouca (5.º), batido pelo FC Porto na ronda anterior depois de derrotar o Benfica e o Moreirense e empatar com o Paços de Ferreira, tenta regressar aos triunfos na visita ao recém-promovido União da Madeira (9.º), no domingo.

Um dia antes, o Estoril-Praia procura, pelo menos, segurar a sexta posição na deslocação ao terreno do Tondela (15.º), enquanto o Sporting de Braga (7.º), em virtude do compromisso de hoje na Liga Europa com o Slovan Liberec, só na segunda-feira recebe o Marítimo (10.º), depois de ter perdido no Estoril (1-0).

Numa jornada que abre na sexta-feira com o Vitória de Guimarães-Vitória de Setúbal, equipas com quatro pontos -- tal como Marítimo e Rio Ave -- o Belenenses (16.º), no rescaldo do encontro da Liga Europa de hoje com o Lech Poznan, procura a primeira vitória no campeonato na segunda-feira, na receção ao Moreirense (17.º), num embate entre conjuntos que ainda não venceram.

A Académica, única equipa que ainda não pontuou, tenta inverter a tendência no sábado, quando receber o Boavista, 14.º classificado, com quatro pontos.

Programa da 5.ª jornada:

- Sexta-feira, 18 set:

Vitória de Setúbal -- Vitória de Guimarães, 20:30 (Sport TV).

- Sábado, 19 set:

Tondela -- Estoril-Praia, 16:00.

Paços de Ferreira -- Rio Ave, 20:45 (Sport TV).

- Domingo, 20 set:

Académica -- Boavista, 16:00.

União da Madeira -- Arouca, 16:00.

FC Porto -- Benfica, 19:15 (Sport TV).

- Segunda-feira, 21 set:

Belenenses -- Moreirense, 18:00.

Sporting de Braga -- Marítimo, 19:00 (Sport TV).

Sporting -- Nacional, 21:00 (Sport TV).

Lusa

  • Negócios do fogo
    22:00
  • "Não podemos gastar o dinheiro e depois os filhos e os netos é que pagam"
    2:05

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o reembolso antecipado ao FMI. O comentador da SIC defendeu que seria mais vantajoso se Portugal reembolsasse mais depressa, antes da subida das taxas de juro. Miguel Sousa Tavares considerou ainda que o reembolso da dívida é uma boa notícia, pois seria "desleal" deixar a dívida para "os filhos e os netos" pagarem.

    Miguel Sousa Tavares

  • Os efeitos da tempestade Ana em Portugal
    1:43
  • Porque têm as tempestades nomes?
    0:49

    País

    As tempestades passaram a ter um nome, partilhado pelos serviços de meteorologia de Portugal, França e Espanha. Nuno Moreira, chefe de divisão de previsão meteorológica do IPMA, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias para explicar que este método é também uma forma de sinalizar a dimensão das tempestades.

  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59

    Mundo

    A tempestade Ana não causou apenas estragos em Portugal, mas também na Galiza, com a queda de árvores e cheias nas zonas ribeirinhas. No norte da Europa, as baixas temperaturas provocaram fortes nevões e paralisaram a Grã-Bretanha, com voos cancelados, escolas fechadas e estradas cortadas.

  • "Meninas proibidas de usar saias curtas e roupa transparente" para evitar abusos em Timor
    0:50
  • "De repente ele estava em cima de mim a beijar-me e a apalpar-me"
    2:43