sicnot

Perfil

Desporto

FIFA suspende e investiga secretário-geral Jérôme Valcke

A FIFA anunciou hoje a suspensão imediata do seu secretário-geral, o francês Jérôme Valcke, alegando conduta imprópria, colocando-o sob investigação.

© Ruben Sprich / Reuters

Valcke "foi afastado das suas funções, com efeito imediato, até mais notícias", refere o organismo que superintende o futebol mundial.

"A FIFA tomou conhecimento de uma série de denúncias envolvendo o secretário-geral e solicitou uma investigação oficial ao Comité de Ética da FIFA", acrescentou.

As acusações, negadas pelo dirigente de 54 anos, foram feitas por um consultor de uma empresa que selou acordo com a FIFA para a venda de bilhetes para o Mundial2014, mas o contrato foi cancelado.

O gaulês, que desde 2007 tem sido o braço direito do presidente Joseph Blatter, alegadamente beneficiou de um acordo para vender bilhetes a preço inflacionado.

A FIFA está envolvida em grande escândalo de corrupção desde que foram presos sete dos seus dirigentes a 27 de maio, nas vésperas do congresso em Zurique para eleger um novo presidente.

Estes dirigentes estão entre os 14 acusados pelas autoridades dos Estados Unidos por atos de corrupção ligados a televisão e marketing e que ascendem a cerca de 150 milhões de euros.

Apesar das detenções, Blatter foi eleito para um quinto mandado -- acabou sozinho na corrida -- mas posteriormente acabou por renunciar e marcar novas eleições para fevereiro.

Jérôme Valcke não foi implicado no escândalo de corrupção da FIFA, mas sempre foi defensor e muito próximo de Blatter.

Lusa

  • Passos explica porque se sentiu irritado com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o Presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas de que foi alvo.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.