sicnot

Perfil

Desporto

Pepe diz-se realizado por renovar contrato com o Real Madrid

O futebolista internacional português Pepe disse hoje estar feliz e realizado por recentemente ter renovado contrato com o Real Madrid, admitindo que a equipa continua a adaptar-se aos novos métodos do treinador Rafael Benítez.

© Reuters Staff / Reuters

"Sinto-me um futebolista realizado depois de renovar com o melhor clube do mundo. Sinto-me bem com o meu trabalho na equipa. Ainda me sinto com capacidade de oferecer muitas coisas à equipa e, com essa mentalidade, ajudar os meus companheiros", afirmou.

O internacional português, que renovou até 2017 com o clube 'blanco', admite que este início de temporada tem sido de adaptação ao novo treinador, o espanhol Rafael Benítez, que diz dar grande importância ao trabalho tático.

"O objetivo é fazer uma equipa sólida e forte. Temos de entender a mentalidade do treinador o mais rápido possível, trabalhar com como equipa e lutar por todos os títulos possíveis, para chegar ao final da temporada contentes", disse.

Com 10 pontos em quatro jogos, o Real Madrid ocupa atualmente a segunda posição da liga espanhola (a dois do líder FC Barcelona), tendo na sexta jornada a um difícil teste em casa do Athletic Bilbau, que recentemente conquistou a supertaça espanhola frente ao 'Barça'.

Lusa

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC