sicnot

Perfil

Desporto

Jason Richardson deixa a NBA aos 34 anos

Jason Richardson, considerado um dos maiores especialistas em 'afundanços' na Liga Norte-americana de Basquetebol (NBA), anunciou na quarta-feira que vai abandonar os pavilhões, aos 34 anos.

Em 14 temporadas na NBA, Jason Richardon, que nunca conquistou um 'anel' de campeão, registou uma média de 17,1 pontos e 2,7 assistências por jogo. (Arquivo)

Em 14 temporadas na NBA, Jason Richardon, que nunca conquistou um 'anel' de campeão, registou uma média de 17,1 pontos e 2,7 assistências por jogo. (Arquivo)

© Tim Shaffer / Reuters

"Hoje [quarta-feira], é um momento agridoce para mim. Estou a anunciar que vou abandonar o basquetebol profissional. Ir embora foi das decisões mais difíceis que tomei, mas prevaleceram a minha saúde e a minha família", escreveu o base na sua conta oficial no Instagram.

Richardson, que venceu dois concursos de 'afundanços', em 2002 e 2003, estreou-se na NBA em 2001, ao serviço dos Golden State Warriors, clube que representou até 2007.

Seguiu-se depois uma temporada com a camisola dos Charlotte Bobcats, transferindo-se posteriormente para os Phoenix Suns, onde permaneceu até 2010.

Nesse mesmo ano, assinou pelos Orlando Magic, encerrando a carreira com o emblema dos Philadelphia 76ers, clube a chegou em 2012.

Em 14 temporadas na NBA, Jason Richardon, que nunca conquistou um 'anel' de campeão, registou uma média de 17,1 pontos e 2,7 assistências por jogo.

Lusa

  • Incêndios em Portugal - um mês depois
    9:10

    Reportagem Especial

    Regressar a casa para refazer a vida é tudo o que querem as famílias a quem o fogo levou quase tudo, há cerca de um mês. Contudo, esse regresso não tem sido fácil. Depois dos incêndios, famílias e empresas ainda têm de vencer as burocracias. A Reportagem Especial deste sábado regressa a Seia, onde arderam mais de 70 casas de primeira habitação e onde a vida de muitos parece ter entrado num impasse.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.