sicnot

Perfil

Desporto

Relatório e Contas 2014/15 do Sporting aprovada por unanimidade e aclamação

O Relatório e Contas do Sporting, referente a 1 de julho de 2014 a 30 de junho de 2015, foi este domingo aprovado por unanimidade e aclamação, anunciou Jaime Marta Soares, presidente da Mesa da Assembleia Geral.

Para além das contas do clube, foram ainda aprovados três outros pontos.

Para além das contas do clube, foram ainda aprovados três outros pontos.

SIC

Em declarações à imprensa depois a reunião magna, o responsável enalteceu ainda a intervenção do presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, que deu a conhecer o "estado da nação" leonino.

"Esta reunião não teve tantos sócios como eu pensava. Tiveram cerca de 300. Todas as propostas que estavam em cima da mesa foram aprovadas por unanimidade e aclamação. Foi exatamente assim. Com muito fervor e com os sócios a mostrarem que estavam inequivocamente com as propostas e os órgãos sociais do clube, neste caso concreto com o Conselho Diretivo", disse.

Para além das contas do clube, foram ainda aprovados três outros pontos.

Em cima da mesa esteve a alteração do empréstimo obrigacionista que passou de 68 para 77,100 milhões de euros, a apresentação das conclusões das fases quatro e cinco da auditoria à gestão do Grupo Sporting, durante a vigência de direções passadas e a proposta de alteração estatutária apresentada pelo Conselho Diretivo.

"Foi dado a conhecer os resultados da auditoria. Não passou disso. Os sócios estão conhecedores. Agora o gabinete jurídico do Sporting vai analisar os factos e seguirá as movimentações normais. O que for do capítulo disciplinar será resolvido pelos estatutos. Quanto ao empréstimo, não foi uma ampliação. Juntou-se tudo o que estava disperso. Agora ficou bem definido qual a totalidade do bolo", asseverou.

Os leões voltam a ter nova assembleia geral a 30 de setembro, desta feita da SAD, onde serão vetados o Relatório de Gestão relativo à temporada 2014/15, o salário (atribuição) do presidente Bruno de Carvalho, bem como aos restantes membro executivos do Conselho de Administração e á Sociedade de Revisores Oficiais de Contas.

Lusa

  • Passos explica porque se sentiu irritado com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o Presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas de que foi alvo.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.