sicnot

Perfil

Desporto

Rooney vai falhar próximos dois jogos da seleção inglesa devido a lesão

O selecionador inglês de futebol, Roy Hodgson, confirmou esta quinta-feira que Wayne Rooney, capitão da equipa, vai falhar os últimos dois jogos de qualificação para o Campeonato Europeu de 2016, devido a uma lesão no tornozelo.

O treinador explicou que o avançado não vai ser convocado porque "vêm aí muitos jogos importantes para o Manchester United e ficaria devastado" se acontecesse algo que piorasse a lesão. (Arquivo)

O treinador explicou que o avançado não vai ser convocado porque "vêm aí muitos jogos importantes para o Manchester United e ficaria devastado" se acontecesse algo que piorasse a lesão. (Arquivo)

© Reuters Staff / Reuters

O avançado, que em setembro se tornou no melhor marcador de sempre da seleção inglesa, ao chegar aos 50 golos, ultrapassando Bobby Charlton, não treinou com a equipa nos últimos três dias por se ter lesionado no domingo na derrota por 3-0 do Manchester United frente ao Arsenal, a contar para a oitava jornada do campeonato inglês.

"É desapontante para o Wayne", afirmou Hodgson em conferência de imprensa, na qual adiantou que o problema no tornozelo é uma lesão "menor".

O treinador explicou que o avançado não vai ser convocado porque "vêm aí muitos jogos importantes para o Manchester United e ficaria devastado" se acontecesse algo que piorasse a lesão.

Na sua ausência, Gary Cahill vai assumir a braçadeira de capitão no jogo de sexta-feira contra a Estónia, em Londres.

A equipa dos 'três leões' já se qualificou para o Europeu de 2016, tendo vencido até ao momento todos os jogos do grupo E.

Lusa

  • Marcelo quer fazer mais e melhor
    0:48

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa quer fazer mais e melhor no segundo ano enquanto Presidente da República. Marcelo fez esta terça-feira um balanço do primeiro ano em Belém, dizendo que é preciso não perder o que se conseguiu em termos de recuperação económica mas que é preciso ser mais ambicioso.

  • "Andem lá com isso!"
    0:42
  • "A Miss Helsínquia é a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza"

    Mundo

    Sephora Lindsay Ikabala venceu o concurso Miss Helsínquia 2017 e, desde então, tem vindo a ser insultada e criticada nas redes sociais. A nigeriana de 19 anos vive na cidade desde criança. "A Miss Helsínquia é literalmente a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza", é apenas um dos muitos comentários que circula nas redes sociais.