sicnot

Perfil

Desporto

Miguel Oliveira castigado com perda de três posições na grelha do GP Japão

O português Miguel Oliveira (KTM) e o espanhol Jorge Navarro (Honda) foram hoje penalizados com perda de três lugares na grelha de partida para o Grande Premio do Japão de Moto3, caindo ambos para a segunda fila.

KIMIMASA MAYAMA

Respetivamente segundo e terceiro na qualificação no circuito de Motegi, Oliveira e Navarro foram penalizados por "condução irresponsável" e por isso vão largar do quinto e sexto lugares para a corrida de domingo, 15.ª das 18 provas do campeonato do mundo de motociclismo de velocidade.

Oliveira e Navarro foram castigados por condução lenta durante a sessão de qualificação, o que permitiu aos italianos Niccolò Antonelli (Honda) e Enea Bastianini (Honda) ascenderem à segunda e terceira posição, enquanto o britânico Danny Kent, líder do Mundial, subiu para a quarta posição.

O novo sistema de penalizações, que entrou em vigor precisamente antes do GP do Japão, determina que os pilotos só podem exceder em 10% o seu melhor tempo de cada setor da pista nos treinos e na qualificação. Os dois primeiros parciais na volta de entrada e o último na volta de saída não são contabilizados.

"Tentei colocar-me numa boa posição para fazer uma volta rápida sem esperar ou colocar alguém em perigo com uma condução perigosa, mas acabei por fazer uma volta quatro milésimos de segundo acima dos 110% permitidos". As regras são iguais para todos e por isso espero que a organização possa cumprir com todas as regras previstas e tornar as corridas de Moto3 ainda mais interessantes e disputadas", disse Miguel Oliveira, citado pela sua assessoria de imprensa.

O italiano Romano Fenati (KTM) conquistou a 'pole position', com 1.56,484 minutos, enquanto Miguel Oliveira tinha assegurado a segunda posição, ao rodar em 1.56,657 minutos. O espanhol Jorge Navarro (Honda), com 1.56,720, tinha feito o terceiro registo.

A quatro provas para o final do Mundial, Miguel Oliveira, com vitórias em Itália, na Holanda e em Aragão, soma 159 pontos, menos 20 do que Bastianini, enquanto Kent comanda com 234.

A corrida do Grande Prémio do Japão realiza-se no domingo e está marcada para as 11:00 locais, 03:00 em Lisboa.

Lusa

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19

    Mundo

    O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos recebeu ao início da tarde na Noruega o prémio pelo trabalho que desenvolveu junto das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, FARC. As cerimónias são este sábado e marcadas pela ausência do Nobel da Literatura, Bob Dylan.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • Sol e calor ficam para o Natal
    1:50

    País

    Com o Natal à porta, o sol teima em ficar um pouco por todo o país. Até a norte as temperaturas estão altas para esta época do ano com o distrito do Porto a rondar os 18 graus.

  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10