sicnot

Perfil

Desporto

Ronaldo, "O Fenómeno", vai abrir 30 escolas de futebol na China

O ex-internacional brasileiro Ronaldo, que abandonou o futebol em 2012, vai abrir 30 escolas da modalidade na China, a maior parte em Pequim, Xangai e Shenzhen, a partir de novembro, segundo a agência oficial Xinhua.

Lefteris Pitarakis

"O futebol chinês já tem a base e a determinação necessárias, mas ainda falta um conceito e um método de formação", disse o "Fenómeno", citado pela Xinhua.

A Ronald Academy irá funcionar em parceria com escolas locais do ensino básico e secundário e escolher os melhores jogadores para completarem a formação nos Estados Unidos da América ou Brasil.

A China anunciou em 2014 um "plano de reforma global do futebol", que determina, entre outras medidas, a inclusão da modalidade como componente obrigatória da disciplina de Educação Física em 50.000 escolas primárias e secundárias.

O "sonho chinês" para o futebol passa por três etapas: qualificar-se para a fase final do Mundial; organizar um Mundial, pela primeira vez; e um dia vencê-lo, proeza nunca alcançada por um país asiático.

"Há muitos adeptos do futebol e jogadores no país, e tanto o governo chinês como a sociedade civil têm dado bastante atenção ao desenvolvimento do futebol", considerou o ex-avançado do Barcelona, Real Madrid e Milan.

Em 2014, o antigo capitão da seleção portuguesa Luís Figo lançou uma academia da modalidade na China, que está hoje implementada em 14 cidades chinesas, empregando no total 45 treinadores portugueses.

País mais populoso do planeta, com cerca de 1.370 milhões de habitantes, a China é também a segunda maior economia mundial, logo a seguir aos Estados Unidos, mas figura em 81.º no ranking da FIFA.

Lusa

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.