sicnot

Perfil

Desporto

Sam Allardyce chama "arrogante" a Wenger e diz que Benítez se "acha superior"

Sam Allardyce, novo treinador do Sunderland da I Liga inglesa de futebol, criticou esta terça-feira o francês Arsène Wenger pela sua "arrogância" e o espanhol Rafael Benítez, afirmando que o técnico do Real Madrid tem um "complexo de superioridade".

Em entrevista ao jornal The Sun, Allardyce garante que Wenger o odiava por ganhar ao Arsenal, quando orientava o Bolton. (Arquivo)

Em entrevista ao jornal The Sun, Allardyce garante que Wenger o odiava por ganhar ao Arsenal, quando orientava o Bolton. (Arquivo)

Sang Tan / AP

Em entrevista ao jornal The Sun, Allardyce, que assinou pelo Sunderland a 9 de outubro, garante que Wenger o odiava por ganhar ao Arsenal quando orientava o Bolton.

"Ele odiava-me. E aos meus jogadores também. Ganhávamos mais vezes [ao Arsenal] do que o esperado e ele não suportava isso", afirmou o novo técnico dos 'black cats'.

Allardyce recorda um momento num dos duelos com Wenger, após um empate do Bolton em Highbury, antigo estádios dos 'gunners'.

"Houve um momento em que ele disse que não me cumprimentava. Depois de um empate em Highbury, rasgou a gravata e não me cumprimentou. É arrogante. É um grande treinador mas não é o tipo de pessoa que se convida para o escritório depois do jogo", acrescentou o técnico que também comandou o Newcastle, Blackburn e West Ham.

O britânico também não poupa críticas a Rafa Benítez, que afirma sentir-se superior.

"O Benítez é outra coisa. Quando ganhei ao seu Liverpool ficou sempre a lamentar-se. Não conseguiu aceitar que jogámos melhor. Não reconheceu o nosso mérito. Acha que é superior ", reiterou Allardyce.

Apesar de reconhecer que o atual treinador dos 'merengues' já conquistou uma Liga dos Campeões, Allardyce garante que essa conquista se deve ao capitão Steven Gerrard e não há liderança de Benítez.

Depois de quatro épocas ao serviço do West Ham, Allardyce assumiu agora o comando técnico do Sunderland, equipa que ocupa o 19º e penúltimo lugar da tabela classificativa.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".