sicnot

Perfil

Desporto

Sam Allardyce chama "arrogante" a Wenger e diz que Benítez se "acha superior"

Sam Allardyce, novo treinador do Sunderland da I Liga inglesa de futebol, criticou esta terça-feira o francês Arsène Wenger pela sua "arrogância" e o espanhol Rafael Benítez, afirmando que o técnico do Real Madrid tem um "complexo de superioridade".

Em entrevista ao jornal The Sun, Allardyce garante que Wenger o odiava por ganhar ao Arsenal, quando orientava o Bolton. (Arquivo)

Em entrevista ao jornal The Sun, Allardyce garante que Wenger o odiava por ganhar ao Arsenal, quando orientava o Bolton. (Arquivo)

Sang Tan / AP

Em entrevista ao jornal The Sun, Allardyce, que assinou pelo Sunderland a 9 de outubro, garante que Wenger o odiava por ganhar ao Arsenal quando orientava o Bolton.

"Ele odiava-me. E aos meus jogadores também. Ganhávamos mais vezes [ao Arsenal] do que o esperado e ele não suportava isso", afirmou o novo técnico dos 'black cats'.

Allardyce recorda um momento num dos duelos com Wenger, após um empate do Bolton em Highbury, antigo estádios dos 'gunners'.

"Houve um momento em que ele disse que não me cumprimentava. Depois de um empate em Highbury, rasgou a gravata e não me cumprimentou. É arrogante. É um grande treinador mas não é o tipo de pessoa que se convida para o escritório depois do jogo", acrescentou o técnico que também comandou o Newcastle, Blackburn e West Ham.

O britânico também não poupa críticas a Rafa Benítez, que afirma sentir-se superior.

"O Benítez é outra coisa. Quando ganhei ao seu Liverpool ficou sempre a lamentar-se. Não conseguiu aceitar que jogámos melhor. Não reconheceu o nosso mérito. Acha que é superior ", reiterou Allardyce.

Apesar de reconhecer que o atual treinador dos 'merengues' já conquistou uma Liga dos Campeões, Allardyce garante que essa conquista se deve ao capitão Steven Gerrard e não há liderança de Benítez.

Depois de quatro épocas ao serviço do West Ham, Allardyce assumiu agora o comando técnico do Sunderland, equipa que ocupa o 19º e penúltimo lugar da tabela classificativa.

Lusa

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.