sicnot

Perfil

Desporto

UEFA multa FC Barcelona por exibir bandeiras independentistas

A UEFA multou hoje o FC Barcelona em 40.000 euros por exibir, no seu estádio, bandeiras da Catalunha, durante a segunda jornada da Liga dos Campeões de futebol, com o clube a anunciar que vai recorrer.

© Sergio Perez / Reuters

A decisão da Comissão de Controlo, Ética e Disciplina da UEFA de multar os 'blaugrana' em 40.000 euros foi revelada hoje, na sequência dos factos ocorrido durante o encontro contra o Bayer Leverkusen, a 29 de setembro, onde também se ouviram vaias durante o hino da 'Champions', como forma de protesto a uma multa de 30.000 euros que o emblema espanhol havia recebido pelos mesmos motivos.

"Vamos até ao fim. Estamos muito surpreendidos porque pensávamos que os contactos que fizemos a nível diplomático com os nossos executivos iam dar resultados, mas já vimos que não. Vamos recorrer ao Tribunal de Arbitragem Desportivo [TAS] e se o TAS não nos der razão, vamos a um tribunal na Suíça e, em última instância, vamos ao tribunal de Estrasburgo", afirmou o 'vice' catalão Jordi Mestre.

O clube espanhol tinha sido multado pela UEFA depois do jogo contra a Juventus, na final da 'Champions' da época 2014/2015, pelos mesmos motivos.

Lusa

  • Díli decide legislativas em Timor-Leste
    1:48
  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • Norte também quer naturismo e praias de nudistas

    País

    O presidente da Turismo do Porto e Norte de Portugal defendeu hoje a criação de praias naturistas legalizadas na região, fazendo a apologia da formação de associações e negando que este seja um destino conservador.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15