sicnot

Perfil

Desporto

Schweinsteiger processa empresa por produzir soldado nazi parecido com ele

O alemão Bastian Schweinsteiger vai processar uma empresa baseada em Hong Kong, por ter produzido um boneco representativo de um soldado nazi muito parecido com ele e batizado com o seu nome, referiu hoje o assessor do futebolista.

Ivan Sekretarev

A empresa em causa fabricou um boneco que enverga um uniforme de soldado nazi da Wehrmacht (III Reich), com traços físicos semelhantes ao capitão da Mannschaft, e com o nome de 'Bastian'.

Contactado pelo jornal alemão Bild, um funcionário da empresa Patrick Chan, de Hong Kong, negou estar a vender qualquer boneco baseado na imagem de um jogador de futebol e adiantou que a semelhança com Schweinsteiger é pura coincidência.

O boneco, de 30 centímetros, que é comercializado com vários extras, é, ainda de acordo com o mesmo funcionário, "baseado na fisionomia típica alemã". "Nós pensamos que os alemães apresentam as mesmas características patentes no boneco."

O médio Bastian Schweinsteiger, que representa os ingleses do Manchester United, foi nomeado capitão da seleção alemã no ano passado, substituindo nas funções o defesa Philipp Lahm.

Lusa

  • Cientistas testam útero artificial em cordeiros prematuros

    Mundo

    Um grupo de cientistas desenvolveu um útero artificial - o Biobag - que se assemelha a uma bolsa de plástico e que ajuda no desenvolvimento de cordeiros prematuros. O método foi testado nestes animais mas os cientistas do Hospital Pediátrico de Filadélfia, nos Estados Unidos, garantem que poderá vir a ser utilizado também em bebés que nascem prematuros.

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.